Astronautas indianos seguem em treinamento na Rússia para irem ao espaço

Por Danielle Cassita | 09 de Setembro de 2020 às 17h20
ISRO

Em 2022, a Índia planeja enviar a missão Gaganyaan à órbita da Terra com o uso de equipamentos russos. Trata-se da primeira missão tripulada do país, e os astronautas que possivelmente participarão seguem treinando no Gagarin Cosmonaut Training Center, na Rússia. 

A Roscosmos, agência espacial russa, comunicou que os quatro astronautas indianos “estão em boas condições de saúde e determinados a continuar o treinamento”. Eles iniciaram o treinamento em fevereiro e deverão encerrar a estadia nas instalações no início do ano que vem. Os astronautas vêm passando por um programa que trabalha diversas habilidades necessárias para voos espaciais, como aprender o idioma russo e estudar todas as características do veículo Soyuz. 

Além disso, eles já finalizaram simulações das diferentes formas de voltar para a Terra, onde treinaram pousos em terra e quedas na água, e já praticaram também a flutuação no ar. Nos próximos passos, o quarteto ainda deverá passar por simulações da força G e outras, que serão essenciais para os organismos dos trainees aprenderem a lidar com as condições dos voos espaciais.

Se tudo correr bem, a missão deverá ser lançada antes do 75.º aniversário de independência da Índia, em 2022. O país vem avançando no programa de voos espaciais tripulados, apesar das restrições de orçamento e atrasos causados pela pandemia do novo coronavírus. Até o momento, apenas dois astronautas indianos foram ao espaço, mas isso ocorreu em uma cápsula do veículo Soyuz e em um veículo espacial estadunidense — nunca em um veículo indiano.

Fonte: Space.com

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.