Número de cancelamentos de streamings de vídeo bate recorde nos EUA

Por Wagner Wakka | Editado por Douglas Ciriaco | 29 de Abril de 2021 às 11h50

Uma nova pesquisa da Deloitte nos Estados Unidos pode ter mostrado que o espaço para novos serviços de streaming chegou ao limite. A empresa entrevistou 2.009 consumidores no país sobre seus hábitos de streaming.

O principal número está no de plataformas assinadas. A pesquisa havia levantado que a média de serviços por usuário era de cinco em outubro do ano passado, o que caiu para quatro agora. Além disso, houve um aumento do número de cancelamentos: segundo o estudo, em outubro, 20% dos entrevistados disseram ter cancelado algum serviço recentemente, sendo que este dado subiu para 37% agora em 2021.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Segundo Kevin Westcott, líder da pesquisa, esta é a taxa mais alta que eles viram até agora em seus levantamentos. A análise mostra que há um limite para o quanto os usuários estão interessados em um novo integrante no mercado.

Tais dados, contudo, contrastam com outra pesquisa realizada pela Morgan Stanley, que apontou a média de 2,5 serviços por família nos Estados Unidos. A discrepância aqui pode estar associada à diferença entre usar dados de usuários individuais (no caso da Deloitte) e do conjunto familiar (como a pesquisa da Morgan Stanley).

Apesar disso, as duas pesquisas apontam a Netflix como a empresa favorita dos usuários. Atualmente, a companhia é a líder mundial no setor e dominando também o mercado norte-americano.

Fonte: Fortune

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.