Super câmera: quantos megapixels tem o olho humano?

Por Redação | 30.03.2014 às 10:30

A indústria de tecnologia avança em uma velocidade incrível. Um dos principais aspectos que modificaram como nós interagimos com os smartphones, e como vemos o mundo, é a câmera digital embutida, que nos permite capturar momentos para revivê-los pelo resto da vida.

Um dos diferenciais dos smartphones é a câmera. Porém, já parou para pensar se a “sua” câmera é boa? Quantos megapixels tem o celular com a câmera mais potente? E nosso olho?

O celular com a melhor câmera atualmente é o Nokia Lumia 1020, com absurdos 41 MP e as famosas lentes Carl Zeiss. Já o nosso olho, de acordo com alguns cálculos e comparativos, possui "somente" 576 megapixels de resolução.

Nokia Lumia 1020 Câmera 41 MP

Claro que as câmeras digitais possuem várias tecnologias artificiais, como por exemplo as várias opções de ISO, foco, diafragma (lâminas que regulam a passagem de luz) e assim por diante. Mas, mesmo assim, de uma maneira geral as tecnologias naturais do nosso olho ainda são superiores a qualquer câmera fotográfica, pois possui maior abertura de diafragma, maior resolução e ainda conta com armazenamento ilimitado pelo nosso cérebro.

Um fato interessante é que as imagens chegam de cabeça para baixo na sua retina. Isso acontece porque a luz é invertida quando entra no olho ao atravessar o cristalino. Depois, as imagens passam pelo nervo ótico e são invertidas novamente, já no cérebro. Com as câmeras o mesmo processo é realizado. Porém, a maneira com a qual nossos olhos capturam as imagens é diferente. Células chamadas bastonetes detectam a luminosidade, e outras células chamadas cones detectam as cores. Assim, podemos identificar cerca de 10 milhões de tonalidades diferentes.