Nokia 8210 é o celular preferido entre criminosos no Reino Unido

Por Redação | 02 de Fevereiro de 2015 às 16h01

Atualmente os smartphones possuem uma lista sem fim de recursos e aplicativos para os usuários, fazendo com que eles estejam quase sempre online, seja no Facebook, Messenger, WhatsApp e diversos outros apps. No entanto, algumas pessoas não querem ser tão facilmente encontradas.

A Vice UK realizou uma reportagem para descobrir qual é o celular preferido de traficantes e criminosos no Reino Unido e descobriu que entre os foragidos o Nokia 8210 é o aparelho mais desejado.

Isso se deve às características do aparelho, que não é dotado de recursos como Bluetooth, Wi-Fi e GPS, que podem ajudar as autoridades a localizarem essas pessoas, que segundo a revista, não à toa são paranoicas quanto a perseguições ou estarem sendo monitoradas pela polícia.

Nokia 8210

O aparelho, lançado em 1999, além de não possuir ferramentas de conectividade, é adequado com recursos que permitem facilmente a transferência de dados quando é necessário trocar de aparelho com urgência. Outro fator que o torna queridinho entre os criminosos é a vida útil da bateria, que pode durar dias sem que seja necessário recarregar o celular.

O modelo do Nokia 8210 também é um atrativo: ele é pequeno e pesa apenas 79g, o que facilita a entrada do gadget em prisões, sendo mais fácil contrabandeá-los escondido no corpo ou em algum lugar pequeno.

Segundo a Vice, um comerciante de Handsworth, identificado apenas como “K2”, confirmou que ele possui três Nokia 8210, afirmando que se pode confiar nesses aparelhos, diferente dos “iPhones e telefones novos”, pelos quais a polícia consegue facilmente descobri onde você esteve, conta.

“Os federais já podem usar Wi-Fi e Bluetooth para obter informações a partir do telefone, e agora parecem mais capazes de ouvir conversas telefônicas do que nunca. Todos os concessionários que eu conheço usam telefones antigos, e o Nokia 8210 é o que todo mundo quer por causa do quão pequeno ele é de quanto tempo a bateria dura. Ele foi o melhor celular quando saiu”, disse.

Para diferenciar os três aparelhos que usa, o contraventor afirmou que usa capinhas diferentes para cada um. E destacou: “pelo menos eu posso confiar em um velho Nokia”.

Um usuário de Birmingham confirmou que o Nokia 8210 se tornou uma valiosa moeda de troca com traficantes. Ao usar um desse modelo por ter quebrado o Samsung que tinha, teve três ofertas por ele em apenas um dia. Acabou aceitando ceder o aparelho pelo equivalente a US$ 50 de crack.

Já um proprietário de uma loja de celulares da mesma região afirmou que muitas pessoas procuram pelo Nokia 8210 e que quando aparece algum na loja, rapidamente ele é vendido.

Fonte: http://www.vice.com/read/the-uks-drug-dealers-love-the-nokia-8210-988

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.