O mercado de criptomoedas está caindo desde o início de 2018, segundo análise

Por Ares Saturno | 22 de Junho de 2018 às 15h25

De acordo com os dados liberados pela Markets Insider, o Bitcoin atingiu o fundo do poço, ao menos no que diz respeito aos valores da criptomoeda este ano. Se no final de 2017 a unidade de Bitcoin encontrava-se com valorização anual de 1.400% e poderia ser comercializada por até US$ 18,67 mil, ou cerca de R$ 60,3 mil, uma queda abrupta em 16 janeiro de 2018 derrubou, de um dia para o outro, quase um quarto do valor da cripto. Em fevereiro, o Bitcoin era negociado na baixa de US$ 5.922 a unidade.

As baixas não se limitam ao Bitcoin, atingindo também outras moedas virtuais. O mercado de criptomoedas, como um todo, enfrentou momentos de declínio desde o início do ano, ao frustrar as expectativas dos investidores mundiais após um 2017 de sucessivas altas. Em 2018, o mercado teve seu valor diminuído à metade, segundo dados da CoinMarketCap. Abril foi o mês mais fraco, registrando valores abaixo de US$ 250 bilhões. No último cheque, de junho, o mercado ficou em US$ 267 bilhões, o que corresponde a uma recuperação mais lenta do que a esperada pelos investidores.

Dados atuais sobre os valores do Bitcoin (Captura de Tela: Markets Insider)

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Fonte: Markets Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.