Xbox Series X terá armazenamento expansível proprietário que custará caro

Por Felipe Ribeiro | 17 de Março de 2020 às 12h34
Digital Foundry
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Xbox Series X

Ficha técnica

A Microsoft balançou o mercado de games nesta segunda-feira (16) ao anunciar todas as configurações técnicas do Xbox Series X. Um dos destaques do novo console, que deve ser lançado no fim do ano, é o armazenamento usando cartões SSD, que vão proporcionar mais velocidade na hora de abrir e fechar jogos, além de diminuir o tempo de carregamento. Outra característica do novo videogame é que ele permitirá expandir a capacidade de armazenamento de um jeito fácil, sem ter de abrir o aparelho e trocar o SSD. Resumidamente, a Microsoft bolou um "cartão SSD", que só precisa ser espetado no aparelho; o problema é que esse cartão é proprietário, ou seja, não poderemos usar qualquer modelo.

De acordo com a Digital Foundry, o Xbox Series X utiliza um SSD NVMe exclusivo para seus slots de expansão. O design é inteligente - fácil de instalar, com um dissipador de calor embutido e compatível com a nova Xbox Velocity Architecture. A questão aqui é a Seagate será a única fornecedora do componente - pelo menos inicialmente.

O NVMe (Non-Volatile Memory express ou Memória Não-Volátil expressa) é um padrão de comunicação para unidades de estado sólido (SSDs) que foi desenvolvido por um consórcio de fabricantes de SSD. Para quem não está habituado, um SSD é muito mais rápido do que uma unidade de disco rígido convencional, o que permite que, seja no PC, seja em consoles, o funcionamento usufrua dessa velocidade.

Imagem: Digital Foundry

Os custos de um SSD de 1TB podem ser astronômicos e encarecer a experiência com o Xbox Series X caso você queira mesmo expandir sua capacidade de armazenamento. Para termos ideia, um SSD tradicional da Seagate com essa capacidade custa cerca de R$ 700 no varejo brasileiro, o que nos faz pensar que uma versão exclusiva para o console da Microsoft irá custar bem mais.

HD externos liberados

Apesar da informação de que os SSDs serão proprietários, a Microsoft confirmou que a expansão por meio de HDs externos será livre. Ou seja, qualquer marca ou modelo poderá ser utilizado no console.

Fonte: Tom's Guide

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.