Apple registra patente para carregamento wireless entre iPhones e MacBooks

Por Carlos Dias Ferreira | 26 de Julho de 2018 às 16h00
Tudo sobre

Apple

A julgar por uma nova patente registrada pela Apple nos EUA, o seu próximo iPhone poderá tanto carregar quanto ser carregado por um MacBook unicamente pelo contato - função que também deve se aplicar a outros aparelhos da marca, como o iPad. O arquivo protocolado junto ao US Patent and Trademark Office descreve um sistema de carregamento de bateria wireless de mão dupla, sem a necessidade de qualquer aparato físico adicional (nada de cabos, fios, plataformas etc.).

A julgar pelos esquemas, a Apple pretende instalar nós indutivos abaixo da carcaça dos dispositivos; no caso do MacBook, é possível ver vários pontos em que um iPhone ou um iPad poderiam ser colocados para ter a bateria carregada – ou para dar uma carga extra ao notebook. Em termos do próprio documento, trata-se de “carregamento indutivo entre aparelhos eletrônicos”.

"Carregamento indutivo entre aparelhos eletrônicos": basta encostar um iPhone em um MacBook, ou este num iPad para que as baterias comecem a ser carregadas. (Imagem: reprodução/Apple).

É claro que as tais estruturas indutivas devem constar de todos os aparelhos que venham a dispor da funcionalidade; atualmente, apenas os últimos iPhones possuem componente semelhante e, ainda assim, trata-se apenas de um receptor de carga. Dessa forma, parece razoável supor que a nova patente tenha em vista apenas futuros aparelhos da Maçã, sem possibilidade de incorporação retroativa. Isso se a tecnologia chegar a sair do papel. De qualquer forma, não seria nada mal aposentar de vez o cabo Lightning.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Fonte: US Patent and Trademark Office

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.