Sony cria nova divisão para produzir filmes e séries sobre seus próprios jogos

Por Rafael Rodrigues da Silva | 20 de Maio de 2019 às 19h30
Divulgação
Tudo sobre

Sony

Saiba tudo sobre Sony

Ver mais

Aparentemente, a Sony se cansou de ficar esperando que os estúdios de Hollywood se interessem por seus jogos e passará ela mesma a produzir filmes deles. Shawn Layden, presidente da Sony Interactive Worldwide Studios, confirmou em entrevista para o site Hollywood Reporter que a companhia criou uma nova divisão — nomeada PlayStation — que irá desenvolver filmes e séries sobre os jogos da empresa.

A criação de uma nova divisão — ao invés de simplesmente deixar a criação desses conteúdos para a Sony Studios, que já tem maior experiência com a produção de filmes e séries — é para diminuir a distância existente entre as equipes de produção dos filmes e as que desenvolvem os videogames. A ideia de Layden fazer uma abordagem mais próxima entre as duas equipes, copiando o modelo de sucesso da Marvel, e fazer com que as pessoas que trabalham no desenvolvimento dos videogames também estejam em contato direto com a produção dos filmes e séries.

Layden afirma que o problema da maioria das adaptações de jogos de videogame para o cinema é que as pessoas responsáveis pelo filme não conhecem o jogo e não entendem exatamente quem são aqueles personagens e como é o universo onde eles estão inseridos, e por isso esses filmes ou erram completamente a caracterização desse universo, ou apenas recontam as mesmas narrativas que já existem nos jogos — isso quando não fazem ambos. O que Layden pretende é não apenas fazer filmes que mostrem tudo aquilo que já vemos no jogo, mas que expanda a experiência dos jogos de forma que seja interessante tanto para os fãs — que ganharão um conhecimento maior sobre aquele universo — quanto para servir de introdução para aqueles que ainda não conhecem os jogos, mas podem passar a se interessar sobre eles ao assistir o filme.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Assim, colocando para trabalhar em conjunto as equipes de produção dos jogos com a dos filmes, Layden acredita que pode garantir um cronograma de trabalho mais tranquilo para todos — pois, como o jogo é o produto principal e o filme/série apenas uma expansão, não seria necessário criar datas de lançamento definitivas e trabalhar com calma para lançar esses produtos apenas quando estivessem realmente terminados — além de, possivelmente, conseguir criar a primeira adaptação de videogames que seja realmente boa e aceita pelos fãs dos jogos.

Layden confirmou que o estúdio já está com algumas produções em andamento, mas não quis revelar nomes e nem qualquer detalhe sobre o processo. Apesar disso, rumores apontam que uma dessas produções pode ser o tão aguardado filme de Uncharted, que já chegou a ter Tom Holland cogitado no papel de um jovem Nathan Drake, mas que há alguns anos está no limbo sem nenhuma notícia concreta.

Fonte: Engadget

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.