Cartazes nacionais do filme de Han Solo revelam personagens principais

Por Jessica Pinheiro | 16 de Março de 2018 às 11h59
Warner Bros. Pictures

Faltando pouco mais dois meses para a estreia do segundo spin-off da franquia Star Wars, eis que novos pôsteres foram revelados exaltando os protagonistas do longa-metragem. Após o sucesso de Rogue One: Uma História Star Wars, lançado em dezembro de 2016, que mostra um pouco do que aconteceu entre os Episódio III e Episódio IV, é a vez do Han Solo ganhar seu próprio filme em Han Solo: Uma História Star Wars.

O filme conta com o novato Alden Ehrenreich na pele do jovem Han Solo. O ator dará vida ao mercenário mais queridinho e charlatão das galáxias, interpretado em sua versão mais velha pelo veterano Harrison Ford. Também está no elenco o promissor Donald Glover no papel de Lando Calrissian. O personagem é um eterno rival de Solo, e o filme vai mostrar como surgiu essa relação e como foi a aposta que resultou na aquisição da lendária Millenium Falcon pelas mãos do protagonista.

Chewbacca também está de volta. O adorável wookie é copiloto de Han Solo e o acompanha em todas as aventuras desde que foi salvo pelo herói. Ao que tudo indica, o longa vai mostrar como os dois se conheceram e se tornaram grandes companheiros. Por fim, há ainda a famosa Emilia Clarke (de Game of Thrones) como a misteriosa Qi’Ra, que aparentemente será uma parceria de crime da dupla principal.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A importância das cores

É interessante ver como os pôsteres evidenciam as cores juntamente dos protagonistas, exibindo cores frias e escuras para figuras distintas. Os tons mais alegres podem dizer muito o que o filme abordará. Pelo que foi visto no trailer divulgado durante o Super Bowl, o longa-metragem terá bastante ação e dinamicidade, e as cores parecem refletir um pouco das personalidades e dos atos de cada personagem. Além disso, a escolha denota uma característica mais peculiar ao spin-off, trazendo um tom diferente dos episódios anteriores, que geralmente utilizam uma paleta mais escura e sombria.

Em Rogue One – Uma História Star Wars, por exemplo, os tons de cinza eram predominantes, o que refletia diretamente em como a trama foi abordada, mostrando que na guerra não existe apenas preto e branco, mas sim motivações e ações que mesclam ambas as cores.

Já no Episódio VIII, Star Wars: Os Último Jedi, a cor predominante era o vermelho, que o diretor Rian Johnson utilizou para brincar um pouco com os telespectadores atribuindo o conceito de red herring – um termo para quando alguma coisa engana ou distrai a atenção de uma questão importante, levando o público a conclusões precipitadas.

As polêmicas

A aventura própria do jovem Han Solo passou por muitas polêmicas desde o seu anúncio. Houveram trocas constantes de diretores, adaptações no roteiro, uma controversa campanha de marketing e até mesmo regravações de algumas cenas.

Mais recentemente, houve uma pequena polêmica envolvendo os pôsteres internacionais dos personagens, já que eles aparentemente foram plagiados. De acordo com o Hollywood Reporter, a Disney e a Lucasfilm se inspiraram um pouco demais na criação de seus cartazes no trabalho do artista francês Hachim Bahous. Ele até mesmo chegou a comentar em uma página pessoal do Facebook que criou uma série de ilustrações para álbuns de coletânea da Sony em 2015, que focavam em gêneros específicos da música.

Han Solo: Uma História Star Wars tem estreia marcada para 24 de maio nos cinemas e conta com a direção de Ron Howard, vencedor de Oscar de direção e fotografia por Uma Mente Brilhante em 2002. Seguindo a fórmula de Rogue One, que teve o renomado Michael Giacchino no comando da trilha sonora ao invés do icônico John Williams, em Solo teremos o responsável pelas músicas da franquia do agente Bourne, John Powell. O roteiro (elogiado por J.J. Abrams, inclusive), é de responsabilidade de Lawrence Kasdan, conhecido por seu trabalho em Indiana Jones e os Caçadoes da Arca Perdida, e seu filho Jon Kasdan, que atuou na série de TV Californication.

Fonte: Collider, Star Wars Junk, The Playlist, The Verge, Screenrant

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.