Fox e Disney assinam acordo e X-Men devem se juntar aos Vingadores

Por Jessica Pinheiro | 21 de Junho de 2018 às 12h01
TUDO SOBRE

Walt Disney

Depois de muito tempo no chove-não-molha entre a Walt Disney e a 21st Century Fox – com direito a um triângulo graças a Comcast tentando empatar os dois estúdios de se unirem – eis que as duas empresas finalmente assinaram um acordo de fusão. A aquisição foi anunciada nesta quinta-feira (21), com a casa do Mickey comprando a Fox por US$ 71,3 bilhões em dinheiro e ações; superando a oferta da Comcast de US$ 65 bilhões em dinheiro.

De acordo com a Fox, o acordo de incorporação da Disney foi alterado e reformulado, oferecendo um conjunto que lida melhor com considerações, flexibilidade e transações. No geral, acabou sendo melhor do que a proposta feita pela Comcast Corporation, apresentada no último dia 13 de junho.

Além disso, a Disney garantiu que sua proposta “tem um caminho claro e oportuno para a aprovação regulatória”. Segundo a casa do Mickey, em comunicado, “ambas as empresas passaram os últimos seis meses trabalhando para cumprir todas as condições necessárias para o fechamento” e, no documento de incorporação alterado, há um compromisso em assumir todas as medidas necessárias para garantir que tudo esteja nos conformes jurídicos.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

X-Men e Vingadores enfim juntos

Com o novo acordo sendo aprovado, há grandes chances de vermos os adorados mutantes na próxima fase do universo cinematográfico dos quadrinhos da Marvel. Durante o Produced By Conference, que ocorreu no início deste mês, Kevin Feige, o chefão dos longas-metragens de super-heróis da Casa das Ideias, comentou sobre as propostas e a possível fusão.

Em seu comentário, Feige comentou que a iminente aquisição da Fox pela Disney poderia significar grandes coisas para o estúdio. Segundo ele, isso permitiria fundir os universos da Marvel com propriedades como X-Men, Deadpool e Quarteto Fantástico. Ele acrescenta que está apenas esperando uma ligação com um “sim” ou um “não” para começar a traçar como esses super-heróis (e anti-heróis) chegariam ao mundo de os Vingadores e cia – além de produzirem novas aventuras desses personagens.

Fonte: Ars TechnicaHollywood Reporter

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.