Stephen Hawking, físico revolucionário, morre aos 76 anos

Por Natalie Rosa | 14 de Março de 2018 às 09h02
NBC News

O gênio da física, Stephen Hawking, morreu nesta quarta-feira (14) aos 76 anos em sua residência, em Cambridge, na Inglaterra.

Aos 21 anos, o cientista foi diagnosticado com Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) e, segundo os médicos, só viveria até os 30 anos.

Desde então, mesmo após se tornar fisicamente debilitado e passar o resto da vida em uma cadeira de rodas, Hawking conseguiu driblar a doença e contribuiu com inúmeros trabalhos à ciência, sendo mundialmente reconhecido por seus feitos.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Ao longo de sua carreira, Hawking publicou 14 livros e teve seu trabalho reconhecido com 14 premiações. Além disso, o cienstista ganhou um longa metragem, A Teoria de Tudo, que mostrou ao público detalhes da sua vida pessoal até se tornar quem foi.

Nascido no dia do 300º aniversário da morte de Galileu Galilei, Stephen Hawking deixa três filhos, Lucy, Robert e Tim, e duas ex-esposas, Jane Hawking e Elaine Mason. Sua morte acontece no mesmo dia de nascimento de Albert Einstein.

Fonte: BBC

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.