Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Animais selvagens sentem mais medo de humanos do que de leões

Por| Editado por Luciana Zaramela | 06 de Outubro de 2023 às 11h24

Link copiado!

sutirta budiman/unsplash
sutirta budiman/unsplash

Os animais selvagens temem mais os humanos que os leões, mesmo que estes façam parte dos animais mais perigosos do mundo. A descoberta vem de um estudo conduzido pela Western University (Canadá) e publicado na revista científica Current Biology, na última quinta-feira (5).

Para chegar a essa conclusão, o grupo de cientistas expôs 19 espécies de mamíferos a determinadas gravações, como rugidos de leões, vozes humanas, latidos de cães e tiros. A ideia era entender como os animais reagiam a esses sons enquanto buscavam água.

Conforme apontaram os pesquisadores, os animais do estudo (habitantes do parque nacional do Grande Kruger, na África do Sul) fugiram 40% mais rapidamente quando ouviram o som de pessoas falando.

Continua após a publicidade

Essa resposta de fugir foi observada em 95% das espécies, que incluíam girafas, leopardos, hienas, zebras, javalis, etc. “O medo dos humanos excedeu significativamente o dos leões em toda a comunidade de mamíferos da savana”, conclui o estudo.

Animais temem os humanos

Em entrevista ao veículo britânico The Guardian, a equipe declarou surpresa não apenas com a magnitude da resposta da vida selvagem, como também o número de espécies afetadas: “Os leões deveriam ser a coisa mais assustadora que existe, mas isso mostra que realmente somos assustadores para os animais”.

Anteriormente, pesquisas mostraram que os humanos matam presas em taxas mais altas do que qualquer outro predador, por conta da adoção de armas, por isso ganharam o título de “superpredadores”.

O estudo chega para reforçar ideias levantadas em outras pesquisas, que chegaram a sugerir que veados, cangurus, cangurus e javalis temem mais os humanos do que outros predadores de ponta.

Segundo os pesquisadores, essa é uma descoberta "deprimente", e a estimativa é que isso tenha impactos ecológicos consideráveis: “Se o medo dos humanos é tão difundido e acontece com todos os animais do nosso planeta, então isso realmente acrescenta uma nova dimensão aos impactos ambientais mundiais que os humanos possam ter”, refletem.

Para conduzir o estudo, os pesquisadores usaram sistemas de câmeras e alto-falantes ocultos que eram acionados quando um animal passava a menos de 10 metros.

Continua após a publicidade

A destruição causada pelos humanos

Mas esse medo não é a toa: um estudo publicado na PNAS em 2018 apontou que o homem destruiu 83% de todos os mamíferos selvagens. É um consenso entre os pesquisadores que a atividade humana mudou completamente o bioma terrestre, passando a domesticar alguns animais e, consequentemente, criando a extinção de outros.

Fonte: Current Biology, The Guardian