O que é e para que serve o app Google Home

Por André Lourenti Magalhães | 28 de Outubro de 2020 às 18h15
André Magalhães/Canaltech

Google Home (Android | iOS) é o nome do aplicativo criado pelo Google para gerenciar dispositivos inteligentes para casa, incluindo aparelhos da própria empresa, como o Chromecast e o Google Nest Mini. Através dele, é possível vincular uma série de aparelhos para Smart Home, ou casa conectada, e a partir disso utilizar o Google Assistente para realizar comandos e controles com a voz.

Entre as funcionalidades apresentadas pelo app, é possível cadastrar uma casa para utilizar os dispositivos e, em seguida, dividi-la por cômodos. Dessa forma, os usuários podem vincular diferentes aparelhos para cada cômodo. Uma caixa de som pode ser conectada a um quarto, enquanto a televisão pode ser vinculada à sala, entre outras possibilidades.

Google Home: dispositivos e serviços compatíveis

Exemplos de aparelhos que podem ser conectados (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

A lista de aparelhos compatíveis com o Google Home é muito extensa, com as opções variando entre eletroportáteis, câmeras de segurança, fechaduras, lâmpadas, entre outros. Há uma grande lista de dispositivos de terceiros compatíveis com o Google, e todo o processo de pareamento pode ser feito pelo app.

Além disso, é possível conectar serviços de streamings de vídeo e áudio, como Netflix e Spotify. Dessa forma, ao reproduzir alguma música ou iniciar um filme usando o Google Assistente, os dispositivos utilizarão essas contas para buscarem pelo catálogo.

Google Home: app ou aparelho?

Google Nest Mini, o antigo Google Home (Imagem: Divulgação/Google)

Existe, entretanto, uma certa confusão com o nome Google Home. Inicialmente, foi essa a nomenclatura utilizada para o speaker inteligente da empresa. O produto, posteriormente, passou a ser chamado de Google Nest Mini, enquanto Google Home foi o nome mantido para o app de gerenciamento de dispositivos inteligentes.

Ao procurar por um Google Nest, é possível encontrar anúncios com versões mais antigas, utilizando ainda o nome Google Home Mini. Portanto, foi criada essa divisão para diferenciar o aparelho em si e o aplicativo usado. É importante ressaltar, também, que o aplicativo não precisa do Google Nest Mini para funcionar e pode ser usado com outros aparelhos.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.