Kombi vai voltar em 2022 com novo conceito e movida a eletricidade

Por Redação | 22 de Agosto de 2017 às 20h05

A Kombi é um dos modelos mais icônicos do mundo automotivo. Sucesso no Brasil, a van deixou de ser produzida em 2013, depois de mais de 50 anos. Agora, a Volkswagen pretende ressucitar o veículo que ganhou o apelido de "pão de forma".

A montadora alemã desenvolveu um carro-conceito chamado I.D. Buzz, que seria uma encarnação renovada e elétrica da velha Kombi. Ele foi apresentado em janeiro e, em junho, a VW anunciou que o modelo poderia se tornar um veículo de produção em vez de se tornar apenas um conceito que desaparece com o tempo.

Agora, a Volkswagen confirma uma data para o início das venda para o I.D. Buzz: 2022. Ainda tem muito tempo para a montadora trabalhar no protótipo do conceito funcional da Kombi. Muita coisa pode acontecer até lá, mas só esse anúncio já encheu de esperança os fãs da velha van.

O protótipo do que será a nova Kombi, previsa para chegar ao mercado em 2022

Atualmente, o I.D. Buzz tem cerca de 430 km de autonomia, índice que pode subir de acordo com o avanço da tecnologia das baterias. A VW também diz que conseguiria obter cerca de 369 HP de seu sistema de motor de tração nas quatro rodas, o que está muito longe dos 25 HP do modelo original.

De qualquer forma, o carro não é sobre velocidade. Seus recursos incluem um interior reconfigurável, projetado em torno de recursos autônomos. O dono do carro pode mudar posições de bancos, para ganhar mais espaço, se quiser. Os bancos traseiros podem ser deslocados, com isso, abre-se um espaço imenso no veículo.

Todos os comandos são digitais e permitem integração com vários gadgets. O volante lembra o formato de um controle de nave espacial, que condiz com o design do carro.

O interior do I.D. Buzz, o carro conceito que transformou a cara da Kombi

Fonte: TechCrunch