Publicidade

Dia do Fusca: 5 curiosidades sobre um dos carros mais populares do Brasil

Por| Editado por Jones Oliveira | 20 de Janeiro de 2023 às 14h25

Link copiado!

Divulgação/ Volkswagen
Divulgação/ Volkswagen
Tudo sobre Volkswagen

O dia 20 de janeiro é conhecido no Brasil por ser o Dia Nacional do Fusca. O clássico sedã da Volkswagen já teve mais de 3 milhões de unidades vendidas em nosso mercado desde 1950, ano em que chegou por aqui, inicialmente importado e, depois, fabricado na planta da Anchieta, em São Bernardo do Campo/SP.

Mas saiba que o Fusquinha, como é carinhosamente chamado Brasil afora é sucesso também em outros países, e tem uma origem um tanto quanto peculiar, já que foi um pedido especial de um dos nomes mais importantes e abomináveis (no mínimo) de toda a história da humanidade.

Com isso em mente, o Canaltech separou cinco curiosidades sobre o Volkswagen Fusca.

Continua após a publicidade

5. Pedido especial do führer

Projetado na década de 1930, o VW Fusca foi um pedido pessoal do ditador alemão Adolf Hitler, que acabou, inclusive, gerando a fundação da própria Volkswagen. Coube a Ferdinand Porsche projetar o bólido, que teve praticamente o mesmo desenho até seu último modelo.

4. Fusca é apelido

Continua após a publicidade
O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Você sabia que Fusca é um apelido e que ele foi dado aqui no Brasil? O nome original do bólido era Volkswagen Sedan e a origem do apelido Fusca se deu porque a abreviação de Volkswagen, ou seja, VW, tinha uma pronúncia em alemão que soava algo como "fulque" ou "fulca". E como brasileiro é bem criativo, não demorou para se transformar em Fusca.

O apelido virou nome oficial na década de 1980.

3. Versões modernas não emplacaram

Continua após a publicidade

O Fusca teve versões modernas lançadas ao longo de sua história: o New Beetle, lançado em 1997 (2007 no Brasil) e, depois, o Novo Fusca, de 2013. O primeiro até que fez relativo sucesso, mas seu desempenho muito aquém do esperado foi motivo de piada entre entusiastas.

Já a versão de 2013 foi bem mais elogiada, já que vinha equipada com o motor 2.0 TSI de 200cv, na época, o mesmo do Golf GTI. Entretanto, por ser mais caro, vendeu muito pouco.

2. Tração traseira

Continua após a publicidade

Pouca gente vai se lembrar, mas o Fusca sempre teve tração traseira. Independentemente da versão do modelo, o VW Sedan ou Fusca era equipado com um câmbio manual de quatro marchas, uma variante do motor de quatro cilindros refrigerado a ar, mas a tração era sempre traseira.

1. Renasceu somente no Brasil a pedido do Presidente

Fora de linha desde o fim de 1986, o Fusca voltaria a ser fabricado em 1993. O renascimento, inédito no mundo, veio de um pedido inusitado do então Presidente da República, Itamar Franco.

Continua após a publicidade

Para o mandatário, a retomada seria simbólica para mostrar um caminho para a geração de empregos e estímulo econômico. Um programa de isenção tributária foi especialmente moldado à motorização refrigerada a ar, que acabou beneficiando não apenas o Fusca, mas também a Kombi.

Daí, então, o surgimento do "Fusca Itamar".