YouTube testa ferramenta que baixa vídeos automaticamente

YouTube testa ferramenta que baixa vídeos automaticamente

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 14 de Janeiro de 2022 às 10h08
Reprodução/freepik

O YouTube experimenta uma nova ferramenta que faz download de 20 vídeos toda semana de forma automática. Chamada “Smart downloads” ("Downloads inteligentes", em português), a função seleciona conteúdo com base nos interesses do perfil, assim como acontece no YouTube Music.

Os downloads acontecem sem nenhuma interferência do usuário e, lógico, somente quando o celular estiver conectado ao Wi-Fi. A ideia é garantir que sempre haverá conteúdo para assistir na plataforma, mesmo que a pessoa esteja num lugar sem internet ou com o plano de dados esgotado.

O Smart downloads baixa 20 vídeos novos selecionados por algoritmo para sempre ter algo interessante no celular (Imagem: Reprodução/9to5Google)

Assim como os demais downloads, os vídeos baixados pelo Downloads inteligentes aparecem na aba “Biblioteca”, em “Downloads”. Para que ela entre em ação, o usuário precisa ativar o recurso na página youtube.com/new, ou em banners incluídos aleatoriamente no feed da aba "Início" do app mobile.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Quando o armazenamento interno estiver quase cheio, o YouTube notificará o usuário antes de dar sequência aos downloads. Assim, evita-se que o app lote a memória interna por baixar conteúdo demais.

Exclusivo para assinantes

Somente assinantes YouTube Premium têm acesso ao Downloads Inteligentes experimental, porém, mesmo depois de lançado, o recurso deve continuar exclusivo para pagantes, já que a função de downloads é uma vantagem da assinatura. Os testes com a ferramenta acontecerão até 14 de fevereiro.

Agora, a função pode ser experimentada somente em celulares Android mais modernos. Contudo, a disponibilidade da ferramenta parece limitada (ou distribuída gradativamente), já que nem todos os usuários assinantes receberam os Downloads inteligentes no celular. No mais, é sempre bom verificar na Play Store se o app do YouTube está atualizado.

Fonte: 9to5Google

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.