Depois dos patinetes elétricos, nova aposta da Uber é a viagem de Tuk-tuk

Por Nathan Vieira | 29 de Janeiro de 2020 às 08h48
Tudo sobre

Uber

Saiba tudo sobre Uber

Ver mais

Na última sexta-feira (24), a Uber conquistou autorização para operar com patinetes elétricos em São Paulo, um mercado no qual a empresa tem investido fortíssimo. No entanto, nesta terça-feira (28), a empresa anunciou uma nova aposta: usuários do Uber em Vitória, no Espírito Santo, poderão viajar de Tuk-tuk! Isso mesmo, aqueles simpáticos carrinhos que parecem o resultado da cruza entre uma moto e uma kombi. As operações começam nesta quarta-feira (29).

A modalidade foi desenvolvida em parceria com a empresa de aluguel Movida para reforçar a oferta de mobilidade nesses primeiros meses do ano, quando há aumento de demanda na cidade. Os Tuk-tuks são os únicos do país a circularem por aplicativo. A locadora trouxe os veículos para o Brasil e os disponibiliza para aluguel aos motoristas interessados em dirigir na plataforma.

“Decidimos trazer as viagens de Tuk para a orla de Vitória neste início de ano, quando a região fica mais movimentada. Se locomover de Tuk será mais barato do que viajar de carro e vai trazer uma experiência diferente, inédita para os brasileiros. O nosso objetivo é oferecer mais opções na nossa plataforma para que as pessoas escolham nesse momento se querem viajar de carro ou de Tuk-tuk", afirma Silvia Penna, gerente de operações da Uber no Brasil.

Depois dos patinetes elétricos, a nova aposta da Uber é a viagem de Tuk-tuk

Para pedir uma viagem com o Tuk não é necessário baixar nenhum outro aplicativo, basta usar a mesma conta Uber já utilizada para solicitar viagens de carro e garantir que o aplicativo esteja atualizado. Para novos usuários, é necessário baixar o aplicativo do Uber e se cadastrar na plataforma. Assim como nas viagens de UberX, os usuários poderão optar se querem pagar pelas viagens direto pelo aplicativo ou com dinheiro.

Para o motorista interessado em dirigir na plataforma da Uber com um Tuk-tuk, basta ir até uma loja da Movida em Vitória e fazer a solicitação. É necessário ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH) categoria A ou AB. Depois da análise dos documentos, a aprovação sai em menos de 24 horas. Vale lembrar também que a Movida criou um mecanismo de degustação para incentivar o motorista a começar a dirigir o Tuk-tuk. O valor do aluguel dos três primeiros dias será cortesia e, se o motorista desistir do aluguel até o início do quarto de dia e devolver o veículo na loja, não terá qualquer cobrança.

“A locação de veículos é um dos agentes transformadores da mobilidade urbana atual, pois permite que o consumidor possa ter mais opções de transporte. Por isso, acreditamos e buscamos desenvolver soluções de locomoção para o consumidor, testando novos modais, como é o caso do aluguel de trikkes e bicicletas elétricas no Rio de Janeiro e em São Paulo. No caso do Tuk-tuk de Vitória, ainda é uma fonte de renda para quem quer trabalhar no setor. O início desta nova operação é fruto de uma parceria de sucesso com a Uber no aluguel de carros”, comenta Maria Yamamoto Baldin, diretora de Novos Negócios da Movida.

Para pedir uma viagem com o Tuk não é necessário baixar nenhum outro aplicativo, basta usar a mesma conta Uber

A Uber já vem cadastrando pessoas interessadas em gerar renda dirigindo um Tuk-tuk em Vitória e mantém o cadastro aberto a novos interessados nos Centros de Atendimento em Vitória e Vila Velha.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.