Trecho do código do Snapchat vaza no GitHub e é removido após solicitação

Por Eduardo Hayashi | 07 de Agosto de 2018 às 16h13
photo_camera Techvibes
TUDO SOBRE

Snapchat

Se já não bastassem as dificuldades que o Snapchat enfrenta atualmente para manter a sua base de usuários, o app de mensagens com recursos de rede social apareceu mais uma vez na imprensa, com notícias de que um vazamento no GitHub teria exposto um trecho do código-fonte do aplicativo móvel para iOS.

Segundo o TorrentFreak, a Snap Inc., companhia responsável pelo app, enviou uma solicitação de remoção do conteúdo no GitHub, alegando que um usuário teria hospedado a informação em seu repositório. Sendo assim, a equipe responsável pelo GitHub teria desativado o acesso ao conteúdo, identificado como “Source-SnapChat” nesta última sexta-feira (3).

Vazamento proposital

O repositório que hospedava parte do código do Snapchat pertencia ao usuário “i5xx”, que conforme as informações da Newsweek, havia postado uma série de tweets fazendo referências diversas ao código-fonte do Snapchat nos últimos meses. Em uma das publicações no microblog, @i5aaaald havia comentado: “tentamos nos comunicar com vocês [Snapchat], mas não tivemos sucesso. Por isso, decidimos lançar o código-fonte. Vou postar isso de novo até você responder :)”.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Embora a fonte original deste vazamento ainda seja desconhecida, há a suspeita de que o Snapchat já tenha sido publicado com o seu código-fonte, com algumas evidências de que os dados internos foram obtidos a partir de um "iPhone com jailbreak".

Além disso, conforme observou o Newsweek, os cabeçalhos dos códigos contêm nomes de alguns autores que trabalham na parte de desenvolvimento do Snapchat, e diversas dessas identificações batem com os perfis de cada respectivo funcionário no LinkedIn.

Por fim, o pedido de remoção do código-fonte vazado do Snapchat teria sido assinado por um funcionário da Snap Inc., cuja identificação não foi divulgada. A solicitação em questão está em conformidade com as leis da DMCA (Digital Millennium Copyright Act), que salvaguarda os direitos autorais para os seus respectivos autores.

Fonte: TorrentFreak

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.