Namoro virtual está prestes a subir de patamar com este app de realidade virtual

Namoro virtual está prestes a subir de patamar com este app de realidade virtual

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 26 de Outubro de 2021 às 12h45
Reprodução/FireFlare Games

O primeiro encontro tende a ser um momento fundamental para um relacionamento: o início de uma história de amor ou um momento esquisito que nunca mais deve se repetir. Para o desenvolvedor de aplicativos Chris Crew, a maioria dos seus dates iniciais foram terríveis, embora ele tenha conhecido sua parceira, Aurora Townsend, no Tinder há dois anos, razão pela qual ambos decidiram desenvolver um app para amenizar esse sentimento.

O Planet Theta é um software de realidade virtual desenvolvido pela FireFlare Games destinado a promover encontros entre desconhecidos de todo o mundo. Projetado para ser compatível com o Oculus e o Steam VR, a pegada é diferente de aplicativos já existentes, como o VRChat, Echo VR, Facebook Venues e AltSpaceVR, porque o foco aqui é o namoro à distância.

Segundo Crew, nessas aplicações há muitos perfis falsos ou criação de personas que não existem na vida real, o que se transforma em um baita empecilho para quem deseja encontrar a sua alma gêmea. Por isso, o app incentiva o usuário a criar avatares semelhantes a sua aparência na vida real e verifica se isso foi feito. "Estamos tentando encorajar as pessoas a se parecerem com elas mesmas. Não queremos é que elas aproveitem seu encontro parecendo um modelo e depois descubram que realmente se parecem com pessoas normais", disse Crew em entrevista.

Cenários realistas

No Planet Theta, as pessoas podem sair para se encontrar em boates, parques, praias e cafés 100% virtuais, com a opção de conhecer apenas pessoas nas redondezas ou de outros lugares. A melhor parte é não haver pandemia nesse planeta, portanto todos podem se relacionar livremente e conhecer bem o(a) parceiro(a) antes de levar as conversas para o mundo real.

O app possibilita primeiros encontros de até cinco minutos, um tempo mais do que suficiente, na opinião do desenvolvedor, para ver se vai rolar aquela química necessária para a conversa desenrolar. Isso é bem menos tempo do que você gastaria apenas para se arrumar para um encontro físico, o que também abre a possibilidade de conhecer mais pessoas.

Embora o conceito de realidade virtual ainda seja algo pouco popular no Brasil, nos EUA há cerca de 60 milhões de pessoas que usaram a RV ao menos uma vez por mês. Planet Theta está em fase final de desenvolvimento e deve ser lançado em 2022, com expectativa de reunir entre dois e cinco milhões de pessoas interessadas em encontrar o amor.

Fonte: The Islanders Online  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.