App Moovit expande seus recursos para o mercado corporativo

Por Redação | 31 de Maio de 2016 às 15h58
photo_camera Divulgação

Em iniciativa inédita, o Moovit, aplicativo que traça rotas considerando apenas opções de transporte público, ao lado do Trade Force, app de gestão de trade marketing, anunciou nesta terça-feira (31) sua primeira parceria focada especificamente no mercado corporativo.

O resultado é que, a partir de agora, equipes de campo que fazem uso da ferramenta Trade Force e que visitam clientes e pontos de venda poderão contar com o Moovit para facilitar seu deslocamento entre diferentes locais e diminuir o tempo gasto entre uma viagem e outra.

Criado há quatro anos, o Trade Force consolida em uma única ferramenta informações sobre exposição e disponibilidade de produtos em diferentes pontos de venda. A partir do aplicativo, é possível gerar relatórios em tempo real sobre produtos e seus concorrentes analisando diferentes variáveis, como disponibilidade em estoque, preços praticados pela concorrência, promoções de vendas em andamento e materiais de promoção aplicados no ponto de venda, o que auxilia empresas de diferentes segmentos a gerir seus negócios e acompanhar o desempenho de seus produtos.

"Nossa experiência no mercado mostra que grande parte das equipes de campo visitando pontos de venda se desloca a pé ou por transporte público, portanto é importante contar com ferramentas e serviços que permitam aos profissionais se deslocarem com mais facilidade e previsibilidade", explica Denis Minchiotti, sócio diretor do Trade Force. "Nesse sentido, a parceria com o Moovit será fundamental ao indicar a esses profissionais as melhores rotas para se locomover pela cidade e a auxiliá-los a ganhar tempo que poderá ser aplicado em outras atividades", adiciona.

Para o Moovit, a parceria representa a oportunidade de expandir sua presença para um nicho de mercado ainda pouco explorado pelos aplicativos de transporte público: o segmento corporativo. Atualmente, as principais parcerias do Moovit no Brasil são com apps de meios de pagamento e com prefeituras interessadas em criar plataformas customizadas de mobilidade urbana — todas iniciativas voltadas quase que integralmente ao usuário comum.

"Avançamos para um modelo de sociedade em que cada vez mais empresas adotarão planos próprios de mobilidade em benefício de seus funcionários e em alinhamento com as novas políticas globais de sustentabilidade", disse Alex Mackenzie Torres, diretor de marketing do Moovit. "Neste cenário, o inchaço dos grandes centros urbanos e os elevados níveis de congestionamento representam uma oportunidade para que grandes corporações incentivem o desuso do transporte individual em preferência ao transporte público ou meios alternativos", completa.

O Moovit é mais conhecido no transporte público de usuários comuns. Ao combinar informações dos operadores do transporte público com informações em tempo real fornecidas pela comunidade de usuários, o aplicativo indica as melhores rotas e o modo mais rápido e confortável de se deslocar pela cidade. O Moovit está disponível em mais de 800 cidades em 65 países e possui versões para Android, iOS e Windows Phone/Mobile. No Brasil, o app já opera em mais de 50 municípios para mais de 10 milhões de usuários.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!