Amazon compra o Wickr, comunicador seguro usado pelo governo dos EUA

Amazon compra o Wickr, comunicador seguro usado pelo governo dos EUA

Por Felipe Gugelmin | Editado por Claudio Yuge | 25 de Junho de 2021 às 22h20
Divulgação/Wickr

Com a transição para o home office, cada vez mais empresas sentem a necessidade de usar soluções seguras para realizar comunicações. Ciente das oportunidades de negócios que isso traz, a Amazon Web Services (AWS) anunciou nesta sexta-feira (25) a aquisição do Wickr, aplicativo de mensagens criptografadas usada por corporações e agências ligadas ao governo dos Estados Unidos.

No blog oficial da AWS, o vice-presidente e Diretor de Segurança da Informação Stephen Schmidt, explicou que o Wickr oferece comunicações seguras tanto para consumidores empresariais quanto para parceiros do setor público. Ele afirmou que sua companhia já passou a ser a operadora oficial do comunicador e que vai manter os canais de comunicação e parcerias que já estavam firmadas antes da aquisição.

Imagem: Divulgação/Wickr

Segundo a CNBC, a aquisição do aplicativo é mais uma tentativa da Amazon aumentar a quantidade de contratos que possui com o governo norte-americano. Atualmente, a organização trava uma batalha contra a Microsoft pela prestação de serviços de nuvem e quer permanecer na dianteira — o AWS tem sido a escolha preferencial de milhares de agências que operam no país.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A companhia não revelou quanto investiu na aquisição, algo que também não foi mencionado na nota emitida pela Wickr. A empresa afirmou que está ansiosa em colaborar com as soluções do Amazon Web Services para avançar seus serviços e oferecer um novo grau de segurança para seus consumidores e parceiros.

O comunicador possui versões para Windows, Mac OSX, Linux, iOS e Android/Chromebook, e possui diversos planos de negócios que contemplam times com tamanhos e necessidades de transferência de arquivos diferentes. Enquanto a opção básica é gratuita, clientes que precisam de uma solução completa — que envolve comunicações diretas com a liderança da empresa — pagam US$ 25 mensais pelos serviços oferecidos.

Fonte: CNBC, AWS Blog

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.