Depois da Índia, Uber também é proibido na Espanha e Tailândia

Por Redação | 09 de Dezembro de 2014 às 17h10

Desde sua criação, o Uber vem acumulando queixas, reclamações e uma série de polêmicas como um caso de estupro na Índia, que levou a seu banimento no país. Agora, o app acaba de ser proíbido também na Espanha e Tailândia.

De acordo com o The Verge, uma decisão judicial em Madri proibiu temporariamente a atuação do Uber no país, já que, no entendimento da corte, há concorrência desleal com os taxistas registrados na cidade. Os desenvolvedores do aplicativo sediado em Delaware, Estados Unidos, ainda devem ser ouvidos, mas a medida foi tomada devido à uma rápida resposta exigida pelos profissionais. Assim como a capital espanhola, outras cidades também devem tomar a mesma providência com relação ao app.

A mesma decisão, com argumentos semelhantes, foi tomada na Alemanha e agora também na Tailândia, que suspendeu o app até que os motoristas estejam devidamente registrados, com veículos fiscalizados e não carros privados.

Ao lado da recente acusação de que um dos motoristas do serviço estuprou e ameaçou uma mulher na Índia, essas decisões devem frear um pouco o avanço do aplicativo, que muitos consideram fazer uma expansão um tanto quanto agressiva. Enquanto o Uber não alinhar suas práticas com os governos e regras de cada região, vai continuar sofrendo restrições legais por não oferecer motoristas e muito menos veículos registrados de acordo com as leis locais.

Fonte: http://www.theverge.com/2014/12/9/7359655/uber-banned-in-spain-india-and-thailand-due-to-illegal-operations

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.