5 funções essenciais de privacidade e comodidade do Android

Se você tem um dispositivo Android, pode nem saber que há uma série de pequenas mudanças que você pode fazer para que seu aparelho tenha um melhor desempenho. Ainda, você pode nem saber que há ferramentas que podem ajudar sua segurança e proteger seus dados e privacidade em uma época em que tanto se discute sobre as informações que dispomos a empresas de comunicação.

Para isso, o Canaltech preparou uma lista com algumas configurações simples e que não envolvem ir além do ligar e desligar certas funções de seu aparelho para mudar a forma como você o utiliza.

1. Privacidade

Uma das coisas mais importantes para fabricantes de smartphones é garantir a privacidade de seus usuários. Ainda mais numa época em que o smartphone é a principal ferramenta para mensageiros como o WhatsApp, Instagram e Messenger.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Você pode não ter reparado, mas os smartphones Android, a fim de facilitar a visualização de conteúdos, podem mostrar mensagens inteiras nas notificações, mesmo com o aparelho bloqueado. Com isso, qualquer pessoa pode ler os conteúdos das mensagens trocadas mesmo sem ter a sua senha.

Qual a solução? Não habilitar as notificações? Calma, não precisa de tanto. As configurações do Android permitem que você ainda receba o aviso de que há novas mensagens, mas ela aparecem com o conteúdo oculto, bloqueado pela senha do aparelho.

Para isso, faça o seguinte:

  • Vá nas Configurações do seu aparelho;
  • Clique em “Notificações”;
  • Em seguida em, “Avançado”;
  • Procure pelo app cujos conteúdos você quer que fiquem escondidos nas notificações (no nosso caso, o WhatsApp).
Imagem: Wagner Alves/Canaltech
  • Na opção “Na tela de bloqueio”, escolha “Ocultar conteúdo”.
  • Assim, você receberá a notificação, mas ela será mostrada como “Conteúdo Oculto
Imagem: Wagner Alves/Canaltech

Além disso, outra dica para melhorar a sua privacidade é usar um aplicativo que bloqueia por senha outros aplicativos e funcionalidades de seu dispositivo. Uma dica já apresentada aqui no Canaltech é o AppLock.

2. Tempo de travamento automático

Outra questão relacionada à segurança e privacidade é o padrão de bloqueio do aparelho. Como forma de melhorar o conforto do usuário e aumentar a velocidade de desbloqueio, os smartphones Android demoram alguns segundos para efetivamente travar a tela — geralmente, 5 segundos. Isso quer dizer que se você deixar o seu aparelho em algum lugar e outra pessoa pegá-lo dentro desse intervalo, pode ter acesso ao seu dispositivo desbloqueado, sem precisar da senha.

Caso você queira retirar esse intervalo, é simples. Nas configurações do smartphone:

  • Basta ir em “Tela de Bloqueio e Segurança”;
  • Depois em “Configurações tela de bloqueio”;
  • Em “Bloquear automaticamente”, escolha “imediatamente
Imagem: Wagner Alves/Canaltech

Assim, seu aparelho passará a ser bloqueado exatamente depois que você aperta o botão para esmaecer a tela.

3. Privacidade em propagandas

Uma das questões mais recentes relacionadas a smartphones é a quantidade de dados que as empresas recebem dos usuários para converter em publicidade. No Android, é possível escolher não enviar mais estes dados para receber anúncios personalizados.

Para isso, nas configurações do smartphone:

  • Vá nas opções da “Google”;
  • Em seguida, escolha “Anúncio” e “Desativar a personalização de anúncios
Imagem: Wagner Alves/Canaltech

Importante perceber que, mesmo assim, você receberá publicidade em seu smartphone, mas ela não vai mais ser personalizada. A proposta desta opção não é parar de receber publicidade, mas apenas diminuir a quantidade de dados que é enviada à Google.

Outra observação é que, caso você limpe o cache do seu aparelho, esta configuração volta ao padrão. Ou seja, passa novamente a obter dados para personalização de anúncios.

4. Teclado Gboard e os números

Alguns aparelhos Android já vêm com o Gboard, um tipo específico de teclado da Google. A vantagem é que ele já vem com algumas ferramentas interessantes como a busca por GIFs em conversas, um buscador do Google integrado e opções de correção multilíngue.

Por outro lado, é um teclado voltado especificamente para texto, o que faz com que seja realmente custoso para algumas pessoas enviar uma grande sequência de números ou indicar horários. A ideia inicial da empresa era fazer com que o teclado ocupasse menos espaço da tela, permitindo que os botões fossem maiores e precisos.

Caso seu aparelho não tenha esse teclado, o app da Google é uma boa dica para quem costuma derrapar na ortografia mobile. O Gboard é gratuito e está disponível na Play Store.

Entretanto, há quem goste de ter a opção dos números sempre à mão. Para isso:

  • Abra o teclado, segure o botão de smile até aparecer a opção de “Configurações”;
  • Em seguida, vá em “Preferências”;
  • Marque a opção “Linha de números”.
Imagem: Wagner Alves/Canaltech

Pronto, agora o seu teclado volta a ter a primeira linha com a sequência numérica de 1 a 0.

5. Teste de aplicativos (Instant Apps)

A Google tem implementado uma nova proposta para testes de programas na Play Store. Chamada de Instant Apps, a função permite que você possa ter uma demo do aplicativo sem que precise, nem mesmo, baixar uma versão menor do programa para o seu smartphone. A mecânica está disponível para apenas alguns poucos programas, mas isso deve ser expandido em breve.

Embora a função seja uma característica do Android Oreo, outras versões do sistema operacional também oferecem esta ferramenta. O problema é que ela não está habilitada por padrão. Assim, caso você queira testar algum programa do estilo (como o app do BuzzFeed), você pode acionar a função da seguinte forma:

  • Vá em “Configurações” do aparelho e escolha a opção “Google”;
  • Em seguida, selecione “Aplicações Instantâneas”;
  • Ative a opção “Instant Apps”;
  • Você vai receber um aviso da empresa de que todo programa que oferecer uma versão de testes agora será mostrado a você. Escolha a opção ‘Sim, vamos lá”.
  • Nesta mesma aba, passarão a ser mostrados todos os programas que já foram testados por você.
Imagem: Wagner Alves/Canaltech

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.