OneDrive vai deixar de acessar arquivos que não estejam na pasta do programa

Por Felipe Autran | 16 de Julho de 2020 às 07h31
microsoft

O OneDrive, serviço de armazenamento de arquivos na nuvem da Microsoft, vai descontinuar uma função que permitia buscar por qualquer arquivo armazenado em outro computador, desde que ambos estivessem conectados à internet. De acordo com um documento de suporte da Microsoft, essa ferramenta irá parar de funcionar após o dia 31 de julho.

A chamada Busca de arquivos do OneDrive funciona de maneira diferente da sincronização de pastas conhecida pela maioria dos usuários do serviço. Após configurar o programa em um computador e ativar essa função, o usuário pode acessar qualquer arquivo, mesmo aqueles que não estão na pasta do OneDrive, a partir da web. Para isso, basta fazer login no site do serviço online utilizando a mesma conta da Microsoft usada no computador onde os arquivos estão armazenados.

Essa função está desativada por padrão no Windows, mas você pode encontrá-la clicando no ícone do OneDrive na área de notificação do sistema, indo em Mais > Configurações e marcando a opção "Deixe-me usar o OneDrive para buscar qualquer um dos meus arquivos" na aba "Configurações".

Uma das vantagens dessa ferramenta é que ela pode ser usada para acessar remotamente grandes quantidades de dados, que excederiam o limite de 1 TB disponível na versão paga do serviço da Microsoft. Com a opção sendo descontinuada, a companhia passou a recomendar que os usuários usem a sincronização de arquivos na nuvem para acessar seus documentos, fotos e outros dados à distância.

Fonte: Windows Central, Microsoft

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.