Como editar o arquivo Hosts no Windows e impedir que vírus estraguem o sistema

Por Sérgio Oliveira

Se tem algo que inferniza a vida de qualquer usuário nos dias atuais são os malwares que alteram completamente a experiência de navegação na internet. Algumas dessas pragas, inclusive, redirecionam os resultados de pesquisa para um serviço de busca obscuro e nem quando são removidas do computador deixam as pessoas em paz.

Na maioria das vezes, isso acontece porque essas pragas virtuais alteram o arquivo Hosts do Windows e a remoção delas por programas antivírus e antimalwares não incluem a restauração desse importante arquivo do sistema.

Para entender por que e como isso acontece, falaremos um pouco sobre o arquivos Hosts e na sequência ensinaremos a editá-lo para acabar de vez com essa dor de cabeça e ter de volta seu computador funcionando maravilhosamente bem.

O que é o arquivo Hosts e por que ele é atacado?

Quem vê o arquivo Hosts pensa que ele não serve para nada; afinal de contas, estamos falando de um pequeno arquivo de texto que fica escondido nos confins do Windows. Contudo, a verdade é bem diferente e esse arquivo pequenino é de suma importância para o sistema da Microsoft.

Se utilizado da maneira correta, o Hosts pode atuar como uma poderosíssima ferramenta capaz de mapear manualmente endereços web para IPs específicos. Quem trabalha com desenvolvimento web, principalmente PHP, certamente já teve que editar o Hosts para fazer sua aplicação funcionar localmente. E é exatamente essa prática que vírus e malwares utilizam, mas só que para o mal e para estragar a experiência dos usuários na web.

Nesse caso, é bastante comum essas pragas digitais modificarem o Hosts para que quando as vítimas procurem ferramentas para removê-las do computador acabem num beco sem saída. Dessa forma, o que efetivamente acontece é que ao invés de acessarem sites legítimos com soluções antivírus e antimalware, os usuários acabam acessando versões falsas e com links que os levam a instalar outros tipos de pragas.

Por outro lado, se os incautos já possuírem um software de proteção instalado, é bastante comum esses malwares modificarem o Hosts para impedir que o aplicativo atualize sua base de dados. Com isso, as pragas minam a eficiência do antimalware e deixam o computador exposto a novas ameaças.

Agora que você sabe da importância do Hosts, certamente vai querer conferir se o arquivo do seu computador está intacto ou se foi modificado. Encontrá-lo no Windows é bastante fácil, o problema mesmo é editar e salvar as modificações realizadas, já que tanto o sistema operacional quanto seu software antivírus aplicam camadas de proteção para que nada seja alterado.

Mas calma, existe sim um meio de alterar o Hosts e vamos falar sobre ele para dois casos específicos: quando há uma infecção de malware no computador e quando não há qualquer infecção.

Editar o arquivo Hosts sem o computador estar infectado

Antes de realizar qualquer alteração no Hosts, o mais indicado é desligar seu software antivírus, antimalware e firewall. Tudo isso porque esses programas impedem que qualquer alteração no arquivo seja realizada; portanto, caso você insista em seguir adiante sem antes desligá-los não obterá sucesso.

Na sequência, busque pelo seu editor de texto preferido - pode ser o Notepad, mas nós recomendamos fortemente utilizar o Notepad++. Independentemente da sua escolha, você terá que abrir o editor com privilégios de administrador. Para isso, busque pelo aplicativo, clique com o botão direito do mouse sobre ele e selecione a opção "Executar como Administrador".

Antes de qualquer coisa, é preciso abrir o seu editor de texto preferido com privilégios de administrador

Antes de qualquer coisa, é preciso abrir o seu editor de texto preferido com privilégios de administrador (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

No editor de textos, clique em "Arquivo"->"Abrir" e busque pelo arquivo "hosts" no seguinte diretório:

C:\Windows\System32\drivers\etc

Esta é a aparência do arquivo Hosts "virgem", sem qualquer alteração:

Arquivo Hosts intacto, sem qualquer alteração. Perceba que todas linhas estão comentadas, iniciando com #. Dessa forma, nada escrito aqui afeta o funcionamento do sistema

Arquivo Hosts intacto, sem qualquer alteração. Perceba que todas linhas estão comentadas, iniciando com #. Dessa forma, nada escrito aqui afeta o funcionamento do sistema (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

Perceba que todas as linhas começam com #, o que indica que aquela é uma linha de comentário, não exercendo qualquer efeito sobre o funcionamento do Windows. Caso note qualquer coisa escrita sem que um # apareça no começo da linha, busque no Google para saber sobre o que se trata.

Editar o arquivo Hosts com o computador infectado

Caso tenha verificado que seu arquivo Hosts está alterado, podemos trabalhar com duas hipóteses: ou seu computador está infectado, ou ele já esteve infectado e a remoção do malware não implicou na restauração do Hosts. Independentemente de qual seja a sua situação, o mais aconselhável é iniciar seu computador no modo de segurança, que previne que a praga virtual seja carregada e atrapalhe seu trabalho.

Antes de partir para o trabalho braçal, com o computador em modo de segurança, dê uma chance ao seu programa antimalware e execute uma varredura no computador. Não raramente ele consegue solucionar problemas relacionados ao arquivo Hosts com o malware fora de cena. Se mesmo após a varredura você continuar notando redirecionamentos estranhos, pop-ups aleatórios surgindo aqui e acolá e várias páginas em branco aparecendo do nada, é hora de botar a faca nos dentes e partir para a luta.

Um arquivo Hosts infectado geralmente tem múltiplas linhas que indicam o endereço IP para onde um domínio específico será redirecionado. Caso o seu esteja assim, apague essas linhas

Um arquivo Hosts infectado geralmente tem múltiplas linhas que indicam o endereço IP para onde um domínio específico será redirecionado. Caso o seu esteja assim, apague essas linhas (Imagem: Reprodução)

Siga as instruções indicadas no tópico anterior e verifique se há algo bizarro no seu arquivo Hosts. Ciente do que cada linha dessas representa, retire-as do arquivo e o salve na sequência.

E se nada disso resolver o problema?

É possível que um malware danifique o arquivo Hosts e você precise restaurá-lo após remover a praga do seu computador. Se esse for o caso, uma boa ideia é baixar a ferramenta de reparo disponibilizado pela própria Microsoft. Basta rodar o executável para que a ferramenta restaure o Hosts para os padrões de fábrica automaticamente, sem enrolação.

A Microsoft disponibiliza uma ferramenta que restaura automaticamente o arquivo Hosts para os padrões de fábrica. Para isso, bata acessar o site e rolar a página até encontrar o botão

A Microsoft disponibiliza uma ferramenta que restaura automaticamente o arquivo Hosts para os padrões de fábrica. Para isso, bata acessar o site e rolar a página até encontrar o botão "Download" (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

Com o malware removido do seu PC e o arquivo Hosts novinho em folha, você finalmente poderá desfrutar do seu computador como fazia antes de ser infectado.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.