Review Logitech C925e | Uma ótima webcam intermediária

Por Diego Sousa | Editado por Léo Müller | 26 de Janeiro de 2022 às 09h55
Ivo Meneghel Jr/ Canaltech

A webcam Logitech C925e é, de certa forma, uma evolução da tão popular C920, porém com foco no público corporativo. Ela promete melhorias em imagem e som, além de otimizações nos principais serviços do setor, como Zoom e Skype. Vale a pena? Conto tudo neste review!

Antes de começarmos, aviso sempre que, caso você se interesse pela Logitech C925e ao final desta análise, deixarei links de compra confiáveis para você adquiri-lo. Vamos nessa?

Prós

  • Qualidade de imagem
  • Microfone
  • Preço

Contras

  • Design
  • Software Logi Tune

Construção e design

A C925e não é uma webcam muito discreta e você vai notá-la em seu setup o tempo todo. Diferentemente de outros modelos mais básicos e compactos da própria Logitech, por aqui temos uma grade de plástico relativamente grande com pouco aproveitamento.

A C925e é uma webcam bonita, porém tem muito espaço mal aproveitado (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Todo o corpo da webcam também é feito de plástico, com vidro apenas no círculo ao redor do sensor. Também há uma alça de proteção para a lente embutida no modelo que pode ser manuseada pela aba na parte superior.

  • Dimensões: 73 mm x 126 mm x 45 mm;
  • Peso: 170 g.

Para fixação em monitores e notebooks, a Logitech manteve o revestimento emborrachado visto em outros modelos para evitar arranhões. Além disso, é possível plugar a webcam num tripé graças ao clipe universal e rosca de 1 / 4 “.

O cabo da C925e tem um 1,83 m e saída USB-A padrão, podendo ser conectado no computador ou notebook. Ele é maior que o presente na C920s, por exemplo, com 1,5 m, porém menor que os 2 m da ASUS C3.

Webcam da Logitech é plug and play, porém traz um software simples (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

O LED de iluminação que indica quando a câmera está em uso fica na parte frontal da webcam, além dos dois microfones omnidirecionais — talvez seja por isso que a C925e tem uma grande frontal comprida.

Qualidade de imagem

A Logitech não revela a quantidade de megapixels da C925e, mas ela grava vídeos em 1080p (Full HD) a 30 quadros por segundo (fps) ou em 720p (HD) com clientes suportados. O campo de visão (dFOV) do sensor é de 78º, mesmo das C920e e C920s.

A câmera da webcam traz, ainda, zoom digital de 1,2x, foco automático em HD integrado, codificação H.264 UVC, para transmissões de vídeo mais estáveis em aplicativos, e correção de luz automática.

Embora os canais de comunicação da Logitech apontem a C925e para o público corporativo, acredito que ela também possa ser aproveitada muito bem por streamers que procuram uma boa webcam intermediária.

Sensor da C925e produz imagens mais vivas e bem definidas que o da C920 (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

A qualidade de imagem da C925e é ligeiramente superior em relação à popular C920s. Em boas condições de iluminação, a webcam oferece níveis de exposição e saturação mais equilibrados, além de uma ótima definição para a categoria.

A C925e também faz um bom trabalho em destacar o rosto do sujeito em situações de contraluz mesmo que o fundo fique estourado.

Também não tive problemas com o foco automático da webcam da Logitech. Ele é um pouco mais esperto que a C920s em captar o que está a sua frente, e as propriedades da imagem não ficam tão diferentes pela deficiência na luminosidade.

A C925e tem foco no público corporativo, trazendo otimizações de imagem para Skype, Zoom e Microsoft Teams (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Em condições de pouca luz, fica nítida a perda de definição e o acúmulo de ruído nas partes mais escuras. Ainda assim, você consegue fazer reuniões online com uma cortina fechada, por exemplo, que os outros participantes ainda vão te ver com uma certa definição.

Apesar de a Logitech destacar as otimizações da C925e para Skype, Zoom e Microsoft Teams, eu não notei muita diferença na qualidade da transmissão se comparado com o Google Meet, por exemplo. A gravação continua boa, apenas com as limitações naturais dos respectivos serviços, como granulados.

Software

O software da Logitech C925e é o Logi Tune, disponível para Windows, Mac, Android e iOS. Ele é extremamente simples, permitindo apenas controlar o zoom, ajustar a cor, definir o foco manual e atualizar o firmware com facilidade.

Além disso, é possível sincronizar seu Google Agenda ou Outlook para ficar por dentro das reuniões. É um diferencial que reforça o foco no público corporativo, mas confesso que não aproveitei por não ser conveniente.

Aplicativo Logi Tune é muito básico (Imagem: Captura de tela/Diego Sousa)

Para o público comum, entretanto, o programa pode ser inútil pela falta de recursos. Para as webcams mais básicas da empresa, como a C920, há o Logitech Capture, que permite capturar a tela do computador, tirar fotos e outras funções convenientes para muitos usuários.

Qualidade de áudio

Com dois microfones em formato estéreo na grade frontal, a C925e captura som de maneira omnidirecional, assim como a C920s e outros modelos do segmento.

Obviamente, o hardware da webcam da Logitech não é indicado para gravações profissionais, como podcasts ou streaming de conteúdos na Twitch, mas manda bem em reuniões no Google Meet.

O posicionamento dos microfones favoreceu bastante na captação de áudio, pois temos uma boa área de cobertura — até um metro de distância, mais exato — e ótima definição, considerando a proposta do produto.

Os microfones da C925e são bons, porém não indicados para gravações profissionais (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Surpreendentemente, a C925e também consegue suprimir bem os ruídos de fundo, algo que muitas webcams mais básicas carecem. Em uma reunião-teste no Zoom, por exemplo, a outra pessoa relatou não ter escutado a televisão ligada na sala, tampouco o barulho de um teclado mecânico.

Compatibilidades

Além do software Logi Tune, já citado acima, a C925e funciona no formato plug and play, identificada pelo Windows assim que é conectada na entrada USB. A conexão é extremamente rápida e você já consegue usar a webcam após alguns segundos.

Em relação ao sistema operacional, a Logitech C925e é compatível com as seguintes versões:

  • Windows 7 ou superior;
  • macOS 10.7 ou superior;
  • Chrome OS™;
  • Uma porta USB-A;
  • Compatível com Microsoft DirectShow;
  • Funciona com plataformas de chamadas populares.

Ficha técnica

  • Vídeo: 1080p (Full HD) a 30 fps / 720p (HD) a 30 fps;
  • Campo de visão (dFOV): 78º;
  • Zoom digital: sim, até 1,2x;
  • Foco: automático e manual;
  • Recursos extras: correção de luz automática RightLight 2, codificação H.264 UVC;
  • Microfone: dois omnidirecionais com tecnologia de redução de ruído;
  • Conectividade: cabo USB-A de 1,83 m;
  • Suporte: software Logi Tune (Windows, Mac, Android, iOS);
  • Dimensões: 73 x 126 x 45 mm;
  • Peso: 170 g;
  • Garantia: 3 anos;
  • Compatibilidade: Windows 7 ou superior, macOS 10.7 ou superior, Chrome OS.

Concorrentes diretos

Webcams Full HD são muito comuns no mercado, portanto temos muitas opções à venda no Brasil de diferentes faixas de preço. Talvez a principal concorrente da C925e seja a sua “irmã” para as massas, a C920.

Embora a qualidade de imagem da C920 seja um pouco inferior, estamos falando basicamente do mesmo produto, só que com propostas diferentes.

A popular C920 é uma opção mais interessante pelo software mais útil (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Na minha opinião, a webcam mais popular leva uma grande vantagem justamente por ser voltado para o público comum, ou seja, trazendo um software mais útil para quem procura transmitir jogos pela internet.

O preço das duas webcams também são similares: entre R$ 300 e R$ 400 na maioria dos varejistas nacionais.

Caso você esteja procurando uma webcam Full HD mais barata, a Lenovo 300 FHD é uma boa opção. Ela pode custar menos de R$ 250 e oferece ângulo de visão de 95º, design interessante e imagem ok para a categoria.

Vale a pena comprar a Logitech C925e?

O preço das webcams subiu bastante nos últimos meses, mas dá para dizer que a C925e oferece um custo-benefício interessante, seja para quem procura usá-la em reuniões online ou começar no universo de streaming de jogos.

Ela não é perfeita. Senti falta de um software mais útil para a maioria das pessoas, embora entenda a proposta mais corporativa da Logi Tune.

Outro detalhe que não me agradou foi o design mais agressivo, o qual chama atenção em qualquer setup. A C920, a Lenovo 300 FHD e a Asus C3 são mais compactas e bonitas, na minha opinião.

Ainda assim, eu recomendo a C925e se você preza por qualidade de imagem. Ela é um pouco melhor que outros modelos similares — incluindo sua irmã C920 — e o microfone é bastante agradável para reuniões claras e sem muitos ruídos.