Usuários estão com dificuldade de usar os novos tênis high-tech da Nike

Usuários estão com dificuldade de usar os novos tênis high-tech da Nike

Por Wagner Wakka | 21 de Fevereiro de 2019 às 23h30

Os mesmos futurólogos e designers que pensaram no tênis high-tech de Marty McFly, em De Volta para o Futuro, talvez nunca imaginariam que, em 2019, as pessoas não conseguiriam amarrar seus calçados. É que um problema no app do Adapt BB, tênis da Nike que se molda ao pé do usuário, não permite que a peça “amarre” em seus pés.

O caso aconteceu após uma atualização de firmware na versão do app para Android que, aparentemente, deixou o app inutilizável (ou ”bricado” no termo usado por quem está mais antenado com tecnologia). Assim, os usuários que compraram a novidade não consegue parear o produto com o app e controlar o sistema que se molda ao pé.

O Adapt BB foi lançado na semana passada nos Estados Unidos pelo preço de US$ 350, equivalente a aproximadamente R$ 1.310, na conversão atual (sem impostos). Ele traz um sistema chamado de FitAdapt com laceamento que pode ser controlado pelo aplicativo. A empresa pode até mesmo já ter previsto este problema e acoplou um botão para controle manual de laceamento para que os usuários pudessem vestir seus tênis mesmo sem o app. Entretanto, a grande novidade do tênis é exatamente este controle sem tocar na peça.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Adapt BB, tênis que se adapta ao pé do usuário por meio de aplicativo no celular (Foto: Captura/YouTube)

Pela Google Play, alguns usuários já informaram os “perrengues” que estão passando. Um deles, chamado Chad Sanchez, disse que não consegue “conectar o pé esquerdo e o app não permite que você volte na tela de trás". Ele segue dizendo que "é bem triste pagar US$ 350 por um negócio que não funciona direito".

Pelo site da companhia, é possível dar um "reset" no aparelho para retomar as configurações de fábrica, sendo que é importante evitar baixar a nova firmware para o Android. Contudo, nem todo usuário consegue ou gostaria de fazer isso com seus pares.

Vale perceber que este provavelmente é um problema que a Nike deve corrigir facilmente em breve, mas cria o curioso cenário em que a tecnologia utilizada para substituir uma ação simples pode causar ainda mais transtornos. Tal problema ainda não foi relatado por usuários do app na versão para o iOS.

Fonte: Digital Trends

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.