Criança de 12 anos é internada com suspeita de intoxicação por slime

Por Se Hyeon Oh | 26 de Maio de 2019 às 20h30

Brinquedos são uma das coisas que mais fazem a felicidade das crianças. Afinal, quem nunca pulou de alegria após receber brinquedos como presente na infância, não é? Todavia, considerando que os pequenos ainda não possuem discernimento sobre situações perigosas, é de suma importância que se leve a sério as precauções explicitadas no próprio produto, de forma que o não cumprimento destas precauções pode acabar resultando em um final não muito feliz. Prova disso é a história de uma menina de 12 anos, internada por suspeita de intoxicação por slime.

Segundo o R7, a menina ficou internada por mais de uma semana em um hospital na zona sul de São Paulo, após dar entrada com um quadro de vômitos e gastroenterite. No local, ela teria realizado exames de sangue para avaliar a sua situação, mas os médicos não teriam conseguido encontrar nada que indicasse alguma alteração. Eles só chegaram a suspeitar de intoxicação por slime depois de ver a criança manuseando-o no quarto do hospital. Pelo visto, a infecção se tratava de uma reação alérgica causada por um componente do brinquedo chamado Boráx.

Vale lembrar que o slime é um brinquedo “melequento” que gruda nas mãos e ganhou popularidade por ser relaxante e divertido manuseá-lo. Os fãs desse produto aumentaram de forma que na Ásia existem até mesmo cafés temáticos de slime, onde os clientes do local podem criar os seus próprios slimes personalizados.

Slime café na Coreia do Sul (Imagem: in4blog)

Fonte: R7

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.