Hands-on 220 / 223 vídeos

Samsung Galaxy Note 8 [Hands-on / Primeiras impressões]

04:37 | 23 de Agosto de 2017

Depois de um ano de Note 7, com o maior problema da história recente da Samsung, a marca sul-coreana precisava chamar atenção para seus smartphones. O S8 fez bonito no começo do ano, mas agora o Galaxy Note 8 voltou, e com muito do S8. Hardware parecido, corpo semelhante e algumas mudanças que tentam justificar o preço mais alto.

O Galaxy Note 8 renasceu com cara conhecida e hardware também. Por fora, ele é um Galaxy S8+ com 0,1 polegada extra de tela, corpo mais quadrado e bordas laterais menos curvadas. Ela continua com tecnologia Super AMOLED e mesma resolução do flagship que já está no mercado, mudando mais pro lado de dentro.

São 6 GB de memória RAM e até 256 GB de memória interna, esbarrando em opções de 64 GB, 128 GB e os absurdos 256 GB. Snapdragon 835 nos Estados Unidos e equivalente Exynos no restante do mundo - se for realmente o que está no S8, coloque um Exynos 8895 octa-core.

O botão para Bixby continua presente, agora falando inglês e coreano. A pegada não fica ruim, já que há mais tela em um corpo não tão maior. A parte traseira mostra uma das mudanças entre o Note 8 e os S8: câmera dupla. São duas lentes com sensor de 12 megapixels, mas abertura que muda bastante. A principal, de ângulo aberto, tem abertura f/1.7 e a outra, que dá zoom de duas vezes, vai de f/2.4.

Além de zoom ótico, a combinação de lentes permite um modo de retrato semelhante ao do iPhone 7 Plus. Temos um slider com a quantidade do desfoque do fundo que você quer. Além disso, dá pra mudar o foco depois de tirar a foto.

A segunda grande mudança para a linha S fica na S Pen. Ela é basicamente a mesma S Pen da geração passada, apenas com pouca coisa extra em precisão e a mesma proteção IP68 do Note 8.

Não, você não pode usar a S Pen dentro da água, mas sabe que se a canetinha cair na piscina, não vai morrer. Ao menos até um metro e meio de profundidade e em água doce. Ele tem tela Gorila Glass 5.

Há mais recursos para a S Pen, além da precisão extra. Ela continua traduzindo textos, só que agora também faz a conversão de moedas. Dá pra escrever com a tela desligada e até mesmo editar um texto que fica no always on display. Por fim, a Samsung fez sua versão das mensagens animadas do iMessage. Só que melhor.

Com a S Pen você pode fazer uma pequena animação, que fica salva em um GIF. Como é um formato padrão do mercado, você pode compartilhar a criação em qualquer lugar que aceite GIFs animados, como WhatsApp, Messenger do Facebook e Telegram.

O Galaxy Note 8 chega ao mundo no dia 15 de setembro, com o Brasil chegando pouquíssimo tempo depois. Ele está disponível nas cores preta, prata, dourada e azul. O Brasil receberá uma versão dual-chip, mas ainda não sabemos quais versões de memória interna será entregue ao Brasil, muito menos o preço.