Hands-on 244 / 264 vídeos

Combo gamer: mouse, teclado e headset da Razer

05:19 | Por Wellington Arruda | 23 de Agosto de 2018
Tudo sobre

Razer

Conhecida pelos produtos voltados para o público gamer (e cheios LEDs RGB que a galera ama), a Razer, vez ou outra, se arrisca até mesmo no mercado de smartphones, embora esta seja uma outra história. Aqui, nós vamos falar um pouquinho sobre o mouse Razer Mamba, mas também do teclado Ornata Chroma e do headset Kraken Pro V2.

Razer Ornata Chroma: teclado “quase” mecânico

Apesar do forte indicativo vindo do design robusto, o Ornata Chroma não é um teclado mecânico, mas sim um “híbrido”. A Razer chama a tecnologia de membrana mecânica, que traz no seu interior uma pequena peça de metal para imitar o clique mecânico em cada tecla. Funciona, e você realmente sente conforto durante a digitação. Mas não como num teclado mecânico.

O Ornata Chroma é grande, espaçoso entre as teclas e bom tanto para digitação quanto para uma jogatina. Ele carrega o nome Chroma, é claro, por incluir LEDs RGB personalizáveis pelo software da companhia para computador.

Dito isto, internamente o Ornata Chroma não oferece nenhum feedback tátil mecânico, embora seja um híbrido bastante satisfatório. Ele ainda carrega na parte da frente a possibilidade de encaixar um acessório magnético que vem na embalagem e serve como apoio para os pulsos. Isso é bem legal.

Ele não vai substituir um teclado mecânico propriamente dito, embora seja uma alternativa muito boa para quem procura um design robusto e bonito, além de todas 16,8 milhões de opções de cores disponíveis graças ao “toque” clássico da marca.

Só que este é um teclado relativamente caro, com valor de mercado estipulado em cerca de R$ 550 no varejo nacional.

Razer Mamba: mouse prático e confortável

Muita coisa influencia na sua jogatina, e o mouse é uma delas. No caso do Mamba, a Razer adota uma estrutura com 16,000 DPI de resposta rápida, trazendo ainda conectividade sem fio para justificar o valor de aproximadamente R$ 600. Ele também traz uma entrada microUSB muito bem posicionada, onde você pode plugar o cabo e usá-lo enquanto carrega. Ainda em tempo, o fio do mouse parece ter ótima resistência.

É claro que os LEDs RGB estão presentes no mouse, embora ele não seja tão personalizável quanto no modelo Tournament Edition, que é compatível com o software Razer Synapse.

Uma boa novidade é que o Mamba também tem regulagem de altura para os botões principais, o que em suma parece ser muito legal. Nós fizemos alguns ajustes aqui e ali, mas de fato não percebemos uma diferença tão drástica durante o uso.

A nova versão do Mamba tem pegada confortável, não é escorregadio e tem performance boa o suficiente para você não culpá-lo durante as partidas online por causa de um headshot. Ele vai entregar uma experiência bem interessante, embora a própria empresa já traga modelos de mouse sem tantos recursos, mas com qualidade similar e preço mais atraente.

Razer Kraken Pro V2: como ficar imerso em um game?

Com peso aproximado de 320 gramas, o headset Kraken Pro V2 se mostra confortável, não aperta sua cabeça depois de longos períodos de uso e ainda tem qualidade de som boa, permitindo que você use o sistema de som estéreo com propriedade. Mas a parte mais legal de todas é o isolamento de ruído muito bem feito.

As almofadas são um pouquinho grandes, mas elas não te deixam se distrair com o que está acontecendo fora das suas partidas. Por conta disto, o visual geral dele é robusto e traz materiais de qualidade, mas isto que vocês estão vendo não é couro de verdade, ok?!

Este é um headset que carrega cabo P2 (auxiliar de 3,5 mm), logo ele é compatível com o seu PC, PS4, smartphone ou qualquer outro dispositivo com a mesma entrada. O cabo tem 1,3 metro de comprimento e é revestido por Kevlar, trazendo também ajuste para volume.

Durante as nossas partidas, conseguimos ter um desempenho muito bom para entender o universo ao redor (nos games, é claro) e isso com clareza. Seja num FPS, numa corrida ou mesmo em um GTAzinho, você vai ter uma certa imersão e qualidade sonora aceitável. O microfone, também, se mostrou bastante eficaz durante os dias que nós usamos o headset.

São poucas reclamações em relação ao Kraken Pro V2, que peca apenas se você estiver escutando exclusivamente músicas. Ele pode ser um pouco instável desta maneira, mas ainda mantém qualidade dentro dos padrões para um headset gamer para um setup, de certa forma, mais duradouro.

O preço estimado do Kraken Pro V2 é de R$ 460 a R$ 560 no varejo nacional.

O que aprendemos hoje?

Resumidamente, este kit que nós utilizamos aqui no Canaltech com mouse, teclado e headset da Razer nos dá uma ideia que, realmente, se refaz em outros mercados e produtos. Os periféricos têm preço relativamente alto, porém entregam eficiência em pontos importantes.

Destes, o único que não se sobressaiu (ou impressionou) foi o teclado Ornata Chroma, embora o Mamba e o Kraken Pro V2 sejam produtos bem legais.

Gostou desse vídeo?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.