Análise de Produto 68 / 340 vídeos

Impressora 3D: 'brincamos' com um modelo na redação do Canaltech [Análise]

05:04 | 26 de Março de 2014

As impressoras 3D não são exatamente novas no mercado. As primeiras surgiram há quase duas décadas, mas só de uns 3 anos para cá elas caíram na boca do povo. E se antes elas eram bem grandes e muito caras, hoje já estão com as proporções mais adequadas para caber na casa e no bolso das pessoas.

Mas para que serve uma impressora 3D? A primeira grande utilidade vista pelos desenvolvedores está na educação. Escolas de design, arquitetura, engenharia e outras disciplinas que exigem construção de objetos viram aí uma forma de tirar as ideias do papel e materializá-las dentro da sala de aula. Com essas impressoras um pouco mais acessíveis, os próprios profissionais começaram a comprá-las para fazer protótipos e, assim, ganhar tempo na hora de aprovar projetos. A Medicina também está de olho nessa tecnologia e já existem estudos bem avançados para a impressão de ossos e órgãos humanos. E até na cozinha ela tem sido útil: na última edição da CES, a gente viu impressoras de doces!

Leia o conteúdo completo em http://canalte.ch/SED6

Acompanhe o Canaltech nas redes sociais:
Facebook: http://www.facebook.com/canaltech
Twitter: http://www.twitter.com/canaltech
Podcast: http://www.canaltech.com.br/podcast