Siga o @canaltech no instagram

Sem investimentos, startup Anki decide que vai fechar as portas

Por Wagner Wakka | 30 de Abril de 2019 às 12h13

A Anki, startup focada em robótica, está fechando seu negócio. A informação foi passada pelo CEO da companhia, Boris Sofman, a seus quase 200 funcionários nesta segunda-feira (29). O motivo é que um dos principais investidores da companhia reduziu seu capital, o que fez com que a companhia não chegasse a um acordo. A única saída foi fechar as portas.

Em comunicado, a empresa confirmou a informação e não quis dizer qual é esse investidor. A empresa levantou em 2010 mais de US$ 200 milhões para criar seus produtos voltados à robótica, o Cozmo e o Vector.

Este último também foi financiado por uma campanha coletiva no Kickstarter, arrecadando US$ 2 milhões, e chegou a receber integração com a Alexa, da Amazon. Ou seja, os caminhos da Anki não mostravam um cenário em declive.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.
Robozinho Vector, um dos produtos da Anki (Foto: Divulgação/Anki)

O Cozmo, um pequeno robô programável, até chegou a ser considerado uma ferramenta lúdica importante nos Estados Unidos, utilizado por professores em todo país para os primeiros passos em aprendizados de códigos e programação.

No ano passado, houve rumores de que Microsoft, Amazon e Comcast estariam interessadas na compra da Anki, o que não se concretizou. “Apesar de nossos sucessos do passado, nós buscamos todas possibilidades financeiras para financiar o desenvolvimento de produtos no futuro e expandir nossas plataformas. Um significante acordo em estágio avançado não deu certo com um investidor estratégico e nós não conseguirmos chegar a um acordo”, afirma o comunicado.

Os funcionários serão demitidos a partir desta quarta-feira (1º) e serão pagos ainda por uma semana a mais de trabalho.

Fonte: Recode

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.