4 desafios iniciais para montar uma startup

Por Fernando D´Angelo

Bruno Rossato e Raul Blanco. Estudantes de Sistemas da Informação na Universidade São Judas Tadeu. O que eles têm em comum com muitos outros jovens estudantes? A vontade de montar sua própria Startup e todos os desafios que advém disso.

A ideia da Meiupp é conectar profissionais liberais, clientes e varejistas do ramo da Construção Civil. Como? Através de uma plataforma móvel (aplicativo + site) que permitirá aos varejistas indicarem a seus clientes profissionais credenciados (pintores, encanadores, etc). O caminho inverso também será possível, ou seja, um profissional poderá indicar uma loja onde o material pode ser comprado. E nesse relacionamento de confiança e fidelização, quem ganha é o cliente, que recebe descontos tanto do profissional que vai executar o serviço quanto da loja. E a plataforma é monetizada de alguma forma por fazer tal conexão.

Pronto! O contexto está claro e o MVP (Produto Minimamente Viável) está definido. Agora é só encontrar um cliente e ter o primeiro projeto entregue! #SQN

A partir deste momento, existem 4 desafios a serem superados nestes primeiros estágios da startup:

1. Dedicar-se integralmente à startup

Desenvolver um produto requer muita dedicação. Então, dedique-se em tempo integral. Empreendedores de sucesso executam incansavelmente.

Se você realmente acredita na sua ideia e na sua capacidade de executá-la, planeje-se e prepare esse momento.

2. Encontrar pessoas dispostas a apostar junto com você

Não se faz uma startup sozinho. Normalmente, precisamos formar um time capaz, engajado e de baixo custo. A forma de fazer isso é oferecer participação na sociedade e a contrapartida é exigir dedicação integral ao projeto. Mas isso significa abrir mão de emprego e renda. Por isso é muito difícil encontrar pessoas dispostas a empreender junto com você. Mas não desista. Se não conseguiu engajar ninguém é porque a ideia não está boa o suficiente. Repense e evolua a ideia.

3. Desenvolver o MVP

Essa etapa vai testar a real capacidade de execução da sua startup. Apesar de parecer fácil, o MVP engloba o desenvolvimento do produto e também de todo o modelo de negócios. Incluindo monetização, definição de segmento de mercado e público alvo, identificação de uma proposta de valor que sensibilize o comprador e outras questões relacionadas. Não desanime! Errar faz parte do processo.

4. Viabilizar um projeto piloto

Ideias inovadoras são vistas pelo mercado com desconfiança. E conseguir um cliente que acredite na sua ideia e esteja disposto a mudar seus processos e sua cultura para implantar um projeto piloto, que nunca foi implantado em outro lugar, é muito difícil. Mesmo se não for cobrar nada do cliente.

E você? Em que estágio está?

* Agradecimentos especiais à HSM Educação Executiva e à Assessoria de Imprensa pelo convite para acompanhar a HSM Expo Management 2015.