Pocophone F1 NÃO é o novo flagship da Xiaomi, e a gente explica a confusão

Por Eduardo Hayashi | 07 de Agosto de 2018 às 12h59
TUDO SOBRE

Xiaomi

Na manhã desta terça (7), após o vazamento de algumas informações iniciais de que a Xiaomi estaria trabalhando em um novo smartphone, vários veículos da mídia especializada noticiaram que se tratava do Pocophone F1, novato e parrudo da chinesa. No entanto, tudo não passou de mera confusão.

Acontece que, quando a varejista romena PCGarage acidentalmente disponibilizou em seu catálogo online detalhes sobre o tal "Xiaomi Pocophone F1", revelando o visual, preço e especificações do smartphone, muita gente acreditou ser verdade. Mas na realidade, o dispositivo é o Xiaomi Mi 8, que saiu no AndroidPit. Ou seja, nada de Pocophone por enquanto.

A foto que apareceu mostra um dispositivo em uma versão na cor roxa metálica, exibindo um notch na parte superior da tela. A imagem também revela um sistema de câmera dupla e um leitor de impressão digital na parte de trás do smartphone.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

(Imagem: PCGarage)

Leia a história original que gerou toda a confusão:

Originalmente publicada como fake news a respeito do Pocophone, o site romeno ventilou que o aparelho teria um painel IPS com 2246 x 1080 pixels de resolução e será equipado com SoC Snapdragon 845 de oito núcleos de processamento e clock de 2,8 GHz. O sistema de refrigeração seria líquido e o gadget contaria com 6 GB de memória RAM, 64 GB de armazenamento interno e bateria de 4.000 mAh com suporte à tecnologia Quick Charge 3.0.

Detalhando um pouco melhor as câmeras do telefone, o dispositivo teria lentes duplas de 12MP + 5MP, com "funções exclusivas de inteligência artificial", e obturador frontal de 20MP.

(Imagem: PCGarage)

Complementarmente, o dispositivo também seria compatível com Bluetooth 5.0 e disponibilizado com Android Oreo instalado de fábrica. O sistema, entretanto, viria personalizado com a interface de usuário proprietária da Xiaomi, a MIUI 9, por US$ 499.

Nada de Pocophone F1

Por enquanto, o que temos é mesmo o flagship Mi 8, e seguimos aguardando novidades caso a Xiaomi revele mais um modelo parrudo em seu portfolio de produtos. Fique ligado no Canaltech!

Fonte: Android Authority, GSMArenaPCGarage

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.