HMD Global pretende fazer a marca Nokia crescer ainda mais

Por Patrícia Gnipper | 07 de Dezembro de 2018 às 14h59
Reprodução
Tudo sobre

Nokia

Desde que adquiriu a marca Nokia, há dois anos, a HMD Global já vendeu mais de 70 milhões de aparelhos, e comemora esse sucesso. Contudo, a empresa não está satisfeita, e pretende fazer a Nokia crescer ainda mais no futuro próximo.

Para 2019, o principal objetivo da companhia será consolidar a Nokia no segmento de médio e alto porte do mercado de smartphones e, paralelamente, a HMD confirmou que alguns dispositivos premium já estão a caminho para o próximo ano, ainda que nenhum nome específico de modelo tenha sido mencionado. Contudo, os rumores apontam para o lançamento do Nokia 9 PureView, o que deve acontecer no final de janeiro.

Espera-se que este próximo flagship traga grandes avanços no que diz respeito ao conjunto de câmeras, com a Nokia tendo como prioridade se tornar uma das líderes em inovação neste mercado. A HMD espera que a marca desempenhe um papel cada vez mais importante neste sentido lá pelos anos de 2020 e 2021.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Ainda, a companhia está investindo pesado para aprimorar seu atendimento ao cliente, esperando criar uma comunidade online mais eficiente. Outros planos envolvem o lançamento de acessórios para smartphones Nokia, e a empresa confirmou que os aparelhos futuros manterão a atual estratégia de nomenclatura — ou seja, o Nokia 6.1 será substituído pelo Nokia 6.2, e assim por diante.

Contudo, más notícias para os fãs de aparelhos retrô: a empresa não tem planos atuais para lançar novos modelos que resgatam os celulares antigos da Nokia, como os 3310 e 8110 4G. Também não está na jogada o lançamento de um smartphone voltado para o universo gamer.

Fonte: Phone Arena

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.