No History, Projeto Livro Azul explora pesquisas do governo dos EUA sobre óvnis

Publieditorial | 09 de Agosto de 2019 às 13h10

Estreia neste sábado, no canal History, a série Projeto Livro Azul, baseada na história real de um projeto secreto do governo americano para pesquisas de avistamentos, fenômenos e outros incidentes relacionados a óvnis. Com dez episódios, o seriado é baseado na história real do Dr. J. Allen Hynek, um professor universitário recrutado pela Força Aérea dos EUA para liderar essa operação secreta.

A produção de Robert Zemeckis (Contato, De Volta Para o Futuro) traz Aidan Gillen (Game of Thrones) no papel principal. Na primeira exibição, com episódio duplo no canal History, ele se une ao Capitão Michael Quinn (Michael Malarkey, de The Vampire Diaries) para investigar o caso de um piloto militar que sobreviveu a um combate aéreo com uma suposta nave alienígena. Depois, a dupla segue para a West Virginia para analisar um avistamento por uma mulher e seus dois filhos, que dizem ter visto uma nave cair perto de seu sítio e um extraterrestre sair de seus destroços.

Para Gillen, o projeto gerou fascinação desde o início, tanto pelo tema quanto pela presença de Zemeckis. “[O seriado] é baseado em investigações, informações e histórias reais, com pessoas que existiram de verdade. Além disso, eu estava familiarizado com o tema sobre óvnis, que é apaixonante e tem a ver com o mistério do desconhecido. Em uma galáxia tão grande como a nossa, um universo potencialmente infinito, é quase ridículo supor que sejamos as únicas formas de vida.”

O ator também mostra um fascínio pelo protagonista, que participou ativamente da investigação de mais de 12 mil casos entre 1952 e 1969, sendo que 701 deles permanecem sem solução. “Este era o tipo de personagem que eu buscava interpretar, diferente de alguém frio e cínico. [Ele] é uma pessoa de família, amorosa e positiva”, conta Gillen.

Aiden Gillen e Michael Malarkey interpretam os protagonistas de Projeto Livro Azul, a nova série do History (Imagem: Divulgação/History)

Ao longo dos dez episódios, Projeto Livro Azul se debruça não apenas sobre os relatos de Hynek, mas também sobre eventos históricos da época e documentos oficiais. A ideia é colocar fatos e mistérios frente a frente e tratar de temas como confiança, instinto e o acobertamento do governo em um dos períodos mais misteriosos da história dos EUA. “Poucas vezes estive envolvido em um projeto que tivesse uma fusão perfeita de acontecimentos históricos com entretenimento extraordinário”, afirmou Zemeckis.

Essa mistura levou Projeto Livro Azul a bater recordes de audiência dos Estados Unidos, com uma segunda temporada já em produção e consagração como um dos programas mais vistos da TV a cabo americana, com média de 3,4 milhões de espectadores. Agora, o canal History espera repetir, no Brasil, o sucesso da produção original do A+E Studios.

A série também conta com Neal McDonough (Arrow, Lendas do Amanhã), Michael Harney (Orange is the New Black), Laura Mennel (O Homem do Castelo Alto) e Ksenia Solo (Cisne Negro). Projeto Livro Azul estreia no dia 10 de agosto, às 22h30, com um episódios duplo e, depois, episódios inéditos semanais.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.