Mark Ruffalo confirma negociação para participar da série Mulher-Hulk no Disney+

Por Claudio Yuge | 03 de Março de 2020 às 08h40
Marvel Comics
Tudo sobre

Marvel

Saiba tudo sobre Marvel

Ver mais

Todo mundo que é fã dos quadrinhos sabe que Bruce Banner tem participação importante na vida de sua prima, a advogada Jennifer Walters, pois é justamente por causa de uma transfusão de sangue que a moça também se torna um monstro verde quando fica com raiva. Conhecida como Mulher-Hulk, a personagem é adorada pelos fãs e atualmente faz parte da equipe principal dos Vingadores na Marvel Comics. Sua série já está confirmada na plataforma de streaming Disney+ e agora temos mais informações sobre a atração.

O ator Mark Ruffalo, que vive Banner/Hulk no universo cinematográfico Marvel (MCU, na sigla em inglês), participou do C2E2, evento de cultura pop de Chicago, no final de semana, e confirmou estar negociando sua participação no seriado. “Há alguma conversa sobre isso, mas tudo é preliminar. Seria bom ver Banner, Hulk, Professor Hulk ou alguém (alguma das manifestações do herói) aparecer para ajudar e guiar ou ser uma presença gentil e orientadora, um amigo para a Mulher-Hulk”, disse.

Imagem: Reprodução/Marvel Studios

Perguntado se sua presença não seria fundamental, já que Banner tem grande relevância na própria origem da personagem, Ruffalo respondeu que sim, mas “que não tem muito controle sobre isso”. Muita gente chegou a ligar o nome de Alison Brie (GLOW) à Jennifer Walters, contudo, ela mesmo negou esses rumores, recentemente.

Por enquanto, a Marvel ainda não escolheu oficialmente o elenco e não há previsão de estreia, embora a atração esteja em estágio de pré-produção e haja a expectativa de que possa estrear até o final do próximo ano.

Uma série só do Hulk?

O Hulk é uma das últimas propriedades intelectuais que a Marvel vendeu, no final dos anos 1990, para a Universal, e que, ao lado do Homem-Aranha, possui uma relação contratual complicada. Enquanto o caso da Sony com a Disney é mais claro, o da Universal é obscuro e envolveria números de produção e distribuição não tão vantajosos para a companhia do Mickey e o Marvel Studios. Por isso, os estúdios estariam encontrando uma forma de manter o Gigante Esmeralda no MCU, mesmo sem uma atração somente sua.

Imagem: Reprodução/SyFy

Perguntado se Banner não poderia protagonizar uma série própria no Disney+, Ruffalo disse que seria legal ver o personagem em uma trama parecida com o antigo seriado de sucesso, em que o herói vivia fugindo. “Provavelmente iniciaria com ele fugindo de novo, pelo menos um pouco, acho que funciona. Nesta nova era digital, em que estamos sendo todos observados, isso pode oferecer uma interessante dimensão, de como ele permanece em fuga dessa maneira”, viaja Ruffalo.

“É provavelmente por aí que tudo começaria, com ele decidindo: 'Não quero mais fazer isso'. Mas agora é difícil, porque ele é o Professor Hulk. Ficou mais difícil dele se esconder", completou. A próxima participação do ator no MCU está confirmada na antologia animada What If…?, que reimagina várias histórias já apresentadas em conclusões diferentes e tem estreia programada para maio ou junho, no Disney+.

Fonte: SyFy  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.