Microsoft quer que paremos de usar senhas já em 2021

Por Ramon de Souza | 18 de Dezembro de 2020 às 22h30
Reprodução

A Microsoft — tal como grandes outras empresas do mercado de tecnologia — está realmente interessada em acabar com as senhas. Esse objetivo pode parecer estranho à primeira vista, mas vamos lá: senhas são problemáticas. Cerca de 80% dos ataques cibernéticos são direcionados às nossas credenciais, já que, infelizmente, ainda tem muita gente usando combinações fracas demais. Isso sem contar com os vazamentos de dados.

Por isso, a companhia não mediu esforços para popularizar, ao longo de 2020, tecnologias e métodos alternativos de autenticação. Tivemos aprimoramentos no Windows Hello (que lhe permite se logar no Windows e em alguns websites compatíveis usando entradas biométricas), melhorias no Microsoft Authenticator e maior integração de diversos serviços com chaves físicas no padrão FIDO2.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Agora, para 2021, a companhia afirma que “tornar o acesso sem senha uma realidade para todos os nossos clientes em 2021”, destacando o quão importante é tornar os métodos alternativos supracitados mais acessíveis para a população em geral. Em um longo texto publicado no site oficial da marca, Alex Simons, vice-presidente corporativo do programa Microsoft Identity, compartilhou um pouco de sua visão sobre o assunto.

Reprodução/WIRED

“Senhas são incômodas de se usar e apresentam riscos de segurança para usuários e organizações de todos os portes, com uma média de uma em cada 250 contas corporativas sendo comprometidas todo mês. Segundo o Gartner, 20% a 50% de todas as chamadas ao help desk são para redefinições de senha”, conta Alex, lembrando ainda que o cibercrime custa cerca de US$ 2,9 milhões à economia global a cada minuto.

“Nossa equipe tem trabalhado muito este ano para se juntar a esses parceiros e transformar as senhas em algo do passado. Junto com a nova UX e APIs para gerenciar chaves de segurança FIDO2, permitindo que os clientes desenvolvam soluções e ferramentas personalizadas, planejamos lançar um portal de registro convergente em 2021, onde todos os usuários podem gerenciar credenciais sem senha por meio do portal My Apps”, finaliza.

Fonte: Microsoft

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.