32 apps de Android que escondem ameaças virtuais de seus usuários

32 apps de Android que escondem ameaças virtuais de seus usuários

Por Dácio Castelo Branco | Editado por Claudio Yuge | 19 de Janeiro de 2022 às 16h00
Divulgação/ThreatFabric

O uso de aplicativos nos celulares transformou os dispositivos móveis em verdadeiros computadores portáteis, capazes de realizar as mais diversas tarefas a partir da utilização dos programas corretos, seja no Android ou no iOS. Mas assim como esse mundo traz muita facilidade para os usuários, também pode trazer dores de cabeça, por conta de apps aparentemente seguros, mas que, na verdade, escondem ameaças.

Em outubro de 2021, foi detectada uma campanha de golpes por SMS chamada UltimaSMS. Nessa fraude, usuários que baixavam os apps maliciosos, ao executá-los pela primeira vez, se deparavam com uma tela que exigia dados como telefone e e-mail. Após o registro dessas informações, os programas paravam de funcionar.

O que os usuários não tinham noção é que, na verdade, os aplicativos estavam registrando os números digitados em serviços premium de SMS. As vítimas só notavam o que havia acontecido quando notavam que suas contas telefônicas ou o consumo de créditos tinha aumentando em um curto período.

Segundo informações da Avast, as assinaturas podiam chegar a custar US$ 40 (R$ 218, na cotação atual) por semana, dando um prejuízo mensal de US$ 240 (R$ 1,3 mil) para as vítimas, que viravam lucros para os controladores da ameaça.

Quais são os programas de Android afetados pelo UltimaSMS?

Por mais que o Google tente checar os apps de Android na Play Store, é bom tomar cuidado. (Imagem: Divulgação/Google)

A campanha do UltimaSMS foi descoberta em outubro de 2021 pela Avast, e o Google, em novembro, baniu os aplicativos envolvidos no golpe.

Mas muitos usuários podem ter mantido os aplicativos em seus aparelhos, seja por não pesquisarem informações sobre os apps ou mesmo por não deletarem programas aparentemente inúteis de seus dispositivos.

Levando isso em conta, listaremos abaixo os aplicativos maliciosos que, se estiverem em seu celular, devem ser removidos urgentemente. Vale destacar que vários deles não estavam no relatório de banidos pelo Google divulgado anteriormente no final de 2021. Confira:

  • All Language Photo and Voice Translator Al;
  • AmazeTranslate;
  • AppLock X FREE;
  • Battery Animation Charge 2021;
  • Call Voice Recording 2.0;
  • Colorful Call Screen & Phone Flash;
  • Crime City: Revenge;
  • Dynamic HD & 4K Wallpapers;
  • Fitness Ultimate 2021;
  • Football Masters 2021;
  • Future Scanner FREE 2021;
  • FX Animate Edite Pro;
  • GT Sports Racing Online;
  • LivePhoto Animator;
  • Ludo Masterpiece Online;
  • Magic Fonts and Keyboard 2021;
  • Magic Mix Cut – Super Video Editor;
  • Mobile Scanner Pro: PDF Scanner App, Scan to PDF;
  • New Body Shape Editor;
  • NewVision Camera;
  • Pro Tuber Ad Blocker for Video;
  • Projector HD/AR Video Editor;
  • Pro Video Downloader 2021;
  • Reface Ultra;
  • RGB Neon HD Keyboard Background;
  • Ultima Keyboard 3D Pro;
  • Ultra Camera HD;
  • VideoMixer Editor Pro;
  • Wallpaper XYZ Pro;
  • Waterdrinker Reminder;
  • Wi-fi Around: All Wi-Fi and Hotsposts Unlock;
  • Wi-Fi Password Unlock.

Fonte: Escola Educação, BGR

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.