HTC lança novo Vive com sistema de rastreamento ocular para empresas

Por Wagner Wakka | 11 de Junho de 2019 às 09h10
Divulgação/HTC
Tudo sobre

HTC

Saiba tudo sobre HTC

Ver mais

A HTC anunciou mais um óculos de realidade virtual para a sua linha. O aparelho é chamado de Vive Pro Eye, sendo que a grande novidade é o sistema de rastreamento ocular do dispositivo. Ele vai chegar ao mercado ainda com uma base SteamVR 2.0, além dos controles e um custo bem salgado.

O sistema capaz de acompanhar o movimento dos olhos do usuário é uma das tecnologias que deve significar avanço da realidade virtual. Isso porque, quando o aparelho sabe o espaço de visualização do usuário, ele renderiza apenas aquela região. Isso permite direcionar processamento gráfico somente para o espaço observado. Em suma, é conseguir entregar melhor imagem com menos hardware.

Esta, contudo, é a única diferença entre o Vive Pro Eye e o seu antecessor, o Vive Pro. O pacote mais recente sai por US$ 1.599 ( ~ R$ 6.200), um total de US$ 200 ( ~ R$ 775) a mais que seu antecessor.

Novo headset da HTC lançado com foco em empresas (Foto: Divugação/HTC)

A tecnologia chega para ser pioneira e este é o custo para se estar à frente no mercado. O problema é que, atualmente, ainda são poucos os jogos que contam com compatibilidade com rastreamento ocular. Ainda, os desenvolvedores devem somente adotar mais esta proposta quando mais e mais aparelhos começarem a chegar ao mercado com a tecnologia.

Enquanto isso, a Oculus, principal concorrente da HTC, oferece um aparelho muito similar também com controles ao preço de US$ 399 ( ~ R$ 1.550): o chamado Rift S. Mas um argumento que ajuda a justificar o preço é que o novo Vive é direcionado a empresas, em profissões que já contam com tecnologias do tipo. O aparelho já está disponível para compra no site da HTC.

Fonte: VIVE

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.