Pesquisadores criam mão robótica capaz de resolver um cubo mágico

Por Natalie Rosa | 02 de Agosto de 2019 às 09h27
Domenic Blair (em Creative Commons)

Se já é difícil para um ser humano manipular um cubo mágico, imagine para os robôs. Mas parece que o jogo virou recentemente, quando pesquisadores do MIT conseguiram fazer com que uma máquina decifrasse o cubo em apenas 0,38 segundos, tempo recorde.

Agora, uma equipe de pesquisadores da Tencent e da Universidade de Hong Kong, na China, projetou uma mão robótica capaz de manipular um cubo mágico, diferente do projeto do MIT, que usou motores e controles.

Baseado em inteligência artificial, o sistema da mão robótica consegue identificar as sequências de movimento de uma pessoa operando um cubo, controlando os cinco dedos, e obteve uma média de sucesso avaliada em 90,3% em mais de 1.400 tentativas.

Imagem: Reprodução

"A manipulação manual é um elemento essencial para que os robôs consigam obter níveis de destreza humanas e realizem tarefas cotidianas que envolvam o contato. Apesar do progresso combinado, a manipulação hábil com vários dedos permanece sendo um desafio aberto devido a seus complexos padrões de contato, espaço de ação de alta dimensionalidade e estrutura de mecânica frágil", conta o estudo.

A equipe criou a solução com um sistema hierárquico que combina componentes de planejamento e manipulação, baseados em modelos ou não. Então, é observada a cinemática e movimentos conjuntos que tornam alguns movimentos mais difíceis de executar do que outros.

Imagem: Reprodução

Treinando vários modelos separadamente, foi possível comparar a sua confiabilidade quantitativamente; para melhorar as rotações de cubos e operações de camadas, a equipe implementou um mecanismo de reversão que verifica o status do cubo em cada uma de suas etapas.

Foi usado também um mecanismo de física, projetado para pesquisa e desenvolvimento de robótica e biomecânica, para fazer a validação da sua abordagem.

Os experimentos resultaram em uma taxa de sucesso da rotação de um cubo estável de mais de 90%, aumentando para 95,2% depois de mais de 30 mil vezes, e taxa média de sucesso de operação de 90,3%.

Fonte: VentureBeat

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.