Siga o @canaltech no instagram

Amazon registra US$ 59,7 bilhões de receita no primeiro trimestre de 2019

Por Felipe Ribeiro | 25 de Abril de 2019 às 21h30
Tudo sobre

Amazon

Saiba tudo sobre Amazon

Ver mais

A Amazon anunciou os lucros do primeiro trimestre fiscal de 2019 nesta quinta (25). A empresa atingiu uma receita de US$ 59,7 bilhões (R$ 235 bilhões, na cotação atual), com liquidez de US$ 3,6 bilhões (R$ 14 bilhões) e lucro por ação de US$ 7,09 (R$ 28). As vendas na América do Norte subiram 17%, atingindo US$ 35,8 bilhões (R$ 141 bilhões), enquanto as vendas internacionais cresceram 9%, para US$ 16,2 bilhões (R$ 63,9 bilhões).

Os analistas esperavam que a Amazon faturasse US$ 59,65 bilhões (R$ 234 bilhões) e informasse um lucro por ação de US$ 4,72 (R$ 19). A gigante do varejo, portanto, bateu ligeiramente a receita, mas superou, e bem, o lucro por ação. As ações, por sinal, ficaram estáveis ​​no pregão regular, mas subiram cerca de 1% após o expediente.

Para o segundo trimestre, a Amazon prevê receitas na faixa de US$ 59,5 bilhões (R$ 236 bilhões) e US$ 63,5 bilhões (R$ 250 bilhões), em comparação com um consenso de US$ 60,88 bilhões (R$ 240 bilhões) dos analistas.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Receitas impulsionadas pelos serviços online

O Amazon Web Services (AWS) continuou a ser o principal responsável pelo crescimento das receitas da Amazon, aumentando suas vendas em 41% para US $ 7,7 bilhões (R$ 30 bilhões). O AWS, portanto, foi responsável por cerca de 13% dos ganhos da empresa no trimestre. O serviço é líder do mercado de computação em nuvem, à frente do Google Cloud e do Microsoft Azure.

Já os serviços de assinatura cresceram 40%, para US$ 4,3 bilhões (R$ 16 bilhões). Isso constituiria principalmente o Amazon Prime, que a empresa está expandindo para fazer ofertas em locais como a rede Whole Foods.

Famosa por não compartilhar números — a menos que sejam muito bons —, a empresa também revelou no relatório de hoje que o Fire TV, por exemplo, agora tem mais de 30 milhões de usuários ativos.

Fonte: Venture Beat

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.