Polícia do Canadá pede desculpas por live de coletiva com filtro de gatinho

Por Wagner Wakka | 24 de Julho de 2019 às 15h33
Captura/Twitter

A Real Polícia Montada do Canadá (RCMP), na Columbia Britânica, emitiu um pedido de desculpas após uma gafe no Facebook Live. O caso aconteceu quando a sargento Janelle Shoihet estava em coletiva de imprensa falando sobre um possível caso de assassinato no país. O problema é que a assessoria acionou acidentalmente o filtro de gatinho, dando um caráter cômico para a cena.

A sargento apresentava suspeitas de que a morte de Chynna Noelle Deese, e de seu namorado, Lucas Robertson Fowler, não havia sido acidental. O casal foi encontrado com marcas de tiros, já morto, perto de sua van em uma rodovia na Colúmbia Britânica.

A proposta era também convidar a população a se pronunciar sobre o acontecimento, caso alguém tivesse informações sobre a morte de ambos. Enquanto a sargento fazia a apresentação da triste suspeita, sua imagem era entregue na rede social com o filtro de gatinho, em completa discordância com a cena. O contexto do anúncio com a imagem de gatinho na tela, obviamente, foi considerado desrespeitoso por internautas.

Pelo Twitter, o jornalista local Tyler Dawson notou a gafe. “O B.C. RCMP está dando uma coletiva de imprensa agora sobre duas pessoas assassinadas na Rodovia Alaska, e eles estão com filtro de gato ligado”, escreveu.

O RCMP respondeu à jornalista Mercedes Stephenson também pelo Twitter informando sobre o problema. “Sim, estamos cientes e tomando providências visto que é uma configuração automática. Obrigado, nós vamos retificar e publicar um vídeo em breve”.

Em seguida, a empresa informou que foi realmente um erro interno, descartando a possibilidade de hackeamento do sistema. B.C. RCMP se desculpando pelo filtro de gatinho. Diz que não foi resultado de um ‘agente externo’, foi um erro que estava sendo reparado. ‘Nossos esforços para estarmos disponíveis nas redes sociais passa por desafios tecnológicos, este é um risco que corremos”.

Para arrumar o problema, o grupo também subiu uma versão na íntegra da coletiva no Facebook, sem as orelhinhas de gato.

Fonte: Twitter

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.