Instagram libera ferramenta antibullying para todos os usuários

Por Felipe Demartini | 02 de Outubro de 2019 às 10h23
Reprodução: Instagram
Tudo sobre

Instagram

Saiba tudo sobre Instagram

Ver mais

O Instagram começou a liberar nesta semana sua ferramenta antibullying para todos os usuários na intenção de trazer mais paz de espírito às pessoas e evitar confrontos na rede social. A ideia do recurso é servir como um meio-termo antes de um bloqueio completo, aplicando uma série de restrições ao comportamento online de alguém que esteja causando problema a um perfil específico.

O recurso, uma vez ativado, faz com que os comentários dos usuários problemáticos desapareçam da vista do dono do perfil e também de outros seguidores, permanecendo visíveis apenas para o próprio autor. Ele, também, fica impedido de ver confirmações de leitura de suas mensagens diretas enquanto todas elas vão direto para a pasta de solicitações, deixando permanentemente a caixa de entrada principal do Instagram, mesmo que ele já tenha sido autorizado a aparecer por lá.

De acordo com o Instagram, que anunciou o recurso em julho, a ideia é usar o sistema como uma alternativa para evitar o confronto. A ferramenta de bloqueio é tradicional e funciona, mas, na visão da rede social, pode levar a uma escalada no comportamento inadequado, uma vez que se trata de uma opção que impede completamente o contato e a visualização do perfil. A restrição, então, é vista como uma alternativa “elegante”, focada em evitar esse tipo de conflito.

Ferramenta de restrição do Instagram serve como meio termo ao bloqueio e impede visualização pública de comentários e mensagens diretas (Imagem: Divulgação/Instagram)

A novidade acompanha outras soluções implementadas pelo Instagram, como uma filtragem mais rigorosa de conteúdos hostis ou que contenham discursos agressivos e um alerta para os comentaristas desse tipo, pedindo que eles releiam as mensagens e tenham a certeza de que aquilo é o que querem postar. Trata-se de uma iniciativa do Instagram de olho, principalmente, nos jovens, que constituem o maior público da plataforma.

É claro, para um bully, medidas desse tipo não servem como barreiras, enquanto é simples descobrir quando se está restringido, bastando acessar o perfil do “alvo” a partir de outro para ver que as mensagens não estão mais aparecendo publicamente. Ainda assim, o Instagram vê as novidades como eficazes para, pelo menos, dificultar a vida de quem ataca, enquanto traz mais paz de espírito para o restante dos usuários.

Como normalmente acontece com novidades desse tipo, ela está sendo feita em etapas e deve aparecer para todos os usuários em atualizações do Instagram que devem chegar em breve. A iniciativa também faz parte de uma campanha de prevenção contra o bullying, com a rede social promovendo ao longo de todo o mês de novembro uma série de mensagens contra a prática por meio de anúncios e também de seus canais oficiais.

Fonte: Mashable

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.