Conheça a voz por trás do “gemidão do Zap”

Por Redação | 10 de Agosto de 2017 às 11h08

Quem nunca caiu no “gemidão do Zap” com certeza conhece alguém que já passou por isso. A brincadeira constrangedora tomou conta do Brasil e está fazendo todo mundo que recebe vídeos ou áudios no mensageiro tomar cuidado, principalmente na hora de abrir os arquivos em público. A dona do áudio infame, entretanto, não é brasileira e nem deve saber que sua interpretação se tornou tão conhecida por aqui.

Estamos falando de Alexis Texas, uma atriz pornô de origem panamenha que tem uma carreira consolidada nos Estados Unidos. Com 32 anos de idade, ela já apareceu em mais de 600 filmes adultos, além de ter cinco deles no currículo de diretora. Quem acompanha essa indústria, com certeza sabe quem ela é.

#tbt #teamtexass

Uma publicação compartilhada por Alexis Texas (@whitegirlpoliticking) em

Mas caso você desconheça, vale a pena citar o fato de que ela também é uma das atrizes mais premiadas dessa indústria, com cinco premiações no AVN Awards, considerado o Oscar do cinema pornô americano. Além de receber estatuetas de melhor intérprete e melhor cena, ela também foi eleita diversas vezes por ter o bumbum mais bonito desse mercado.

Os trabalhos de Texas também se estendem além do mercado pornô, com participação em videoclipes e filmes, incluindo o papel principal em uma produção de terror chamada Bloodlust Zombies, ainda inédita no Brasil. Em 2013, ela foi eleita pela revista americana Maxim uma das 12 mulheres mais importantes do cinema adulto, além de ser uma das personagens centrais do documentário Aroused, sobre as vidas de alguns dos principais nomes da indústria pornográfica.

Ainda sobre o “gemidão”, o momento transformado em áudio é parte de uma cena conhecida na internet como Alexis Texas Boxing POV, mas que faz parte de um filme chamado My Fantasy Girls 3. Como o nome já indica, trata-se de uma aula de boxe que acaba se tornando algo bem mais quente. Não vamos linkar o vídeo aqui, por motivos óbvios, mas basta uma pesquisa rápida para encontrá-lo facilmente.

E se você caiu na trollagem, saiba que não é o único e que seu constrangimento com certeza não foi maior que o do senador Cássio Cunha Lima (PSDB/PB). O político viu sua fala durante a comissão do impeachment de Dilma Rousseff, em 2016, interrompida pelo áudio. Foi um dos primeiros casos de aparição da piada na grande mídia. Depois, ela também deu as caras em programas esportivos, entrevistas com atletas ou celebridades e até audiências judiciais.

Toda essa notoriedade está fazendo com que o “gemidão do Zap”, apesar de ainda bastante constrangedor, se torne parte do folclore popular digital do brasileiro. Se você não caiu ainda, pode ter certeza que sua hora vai chegar. E caso seja pego com o áudio constrangedor, o melhor é dar risada, pelo mesmo motivo, pois todos estamos no mesmo barco.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.