Homem posta foto de esposa morta no Facebook para "avisar a família"

Por Redação | 19.10.2013 às 20:14

Um norte-americano, acusado de ter atirado em sua mulher e depois ter colocado a foto do corpo dela no Facebook, afirmou para a polícia que apenas fez isso para "notificar a família" do ocorrido, segundo informações do Daily Mail.

Derek Medina, 31, se declarou inocente de assassinato em segundo grau, alegando ter atirado na esposa, Jennifer Alfonso, 26, apenas por legítima defesa, depois de ter sido ameaçado por ela com uma faca. Derek atirou de seis a oito vezes em sua mulher na sua casa em Miami, Flórida (EUA), no dia 26 de agosto.

Depois de atirar em Jennifer, Derek tirou uma foto do corpo da mulher, ainda caída no chão da cozinha da casa e publicou em seu perfil no Facebook, com os dizeres "RIP Jennifer Alfonso" ("Descanse em paz, Jennifer Alfonso").

Derek Medina

Foto publicada no perfil de Medina

Amigos do casal disseram à polícia que Derek havia jurado matar a esposa se ela o traísse ou tentasse terminar o casamento. Ele não nega ter atirado, mas alega que apenas o fez por ter cansado de sofrer nas mãos da esposa. Derek também afirma que atirou após de ter sido atingido por uma série de "socos a punho fechado" da esposa, de acordo com documentos da polícia de Miami.

Derek teve o pedido de fiança negado na última terça-feira (15) pela juíza Yvonne Colodny. Ele deverá aguardar o julgamento sob custódia.