2065: o ano em que o Facebook terá mais mortos do que vivos

Por Redação | 01.11.2013 às 15:30

Em 2065 os mortos dominarão o Facebook. Bizarro, mas é o que o blog “What If?” especula com cálculos pra lá de esquisitos. Este seria o ano em que os mortos ultrapassariam o número de vivos na mais adorada rede social. Terão mais contas de pessoas que não habitam mais este mundo, do que os que ainda permanecem.

Para entender o raciocínio do blog, é preciso fazer umas contas. Hoje, o Facebook possui mais de 1 bilhão de usuários, segundo afirmação do próprio Zuckerberg. Desses, 20 milhões já faleceram, e que, por conta dos termos de privacidade, continuam com os seus dados mantidos nos servidores da rede. Isso que dizer que 2% dos usuários do Facebook não existem mais. Mesmo que a rede venha a ser abandonada, é bem provável que os dados dos seus usuários sejam mantidos.

Facebook dos Mortos

Imagem: Blog "What If?"

A maioria dos perfis do Facebook são de pessoas jovens, e elas irão envelhecer um dia. Considerando a expectativa de vida mundial e a frequência com que são abertas novas contas, hoje, para cada 50 novos usuários, um já se foi. Levando em conta que a popularidade do Facebook tende a se estabilizar, ou até mesmo cair, e que daqui a todos esses anos estes mesmos usuários que faziam parte da rede já não estarão entre nós, chegou-se a esta data.

Então, se em 2065 você ainda estiver aqui e se lembrar que possui uma conta no Facebook, poderá visitar o perfil de amigos que já se foram para relembrar um pouco o passado.

Facebook dos Mortos

Foto: Blog "What If?"