Como adquirir novos usuários para o seu app

Por Stephanie Kohn | 10 de Setembro de 2018 às 16h28

O mercado de anúncios pagos para aquisição de usuários já movimenta cerca de US$ 142 bilhões por ano mundialmente, segundo estudo inédito apresentado no evento MAMA (Mobile Attribution & Marketing Analytics) e realizado pela AppsFlyer, plataforma de mensuração de aplicativos do mundo, presente em 98% dos aparelhos de celular do mundo. Na América Latina, os gastos com publicidade em apps somam US$ 4,8 bilhões, enquanto que no Brasil o valor chega a US$ 3 bilhões por ano - uma representatividade de 70% do valor total da região.

A pesquisa mostrou também que o Facebook é o primeiro lugar na lista de mídia que mais gera downloads para aplicativos por meio de seus anúncios. O Google vem em segundo lugar. Entre os formatos mais eficazes, o vídeo é o atual campeão. As instalações de apps advindas de anúncios em vídeos cresceram 180% de 2016 para 2018. O levantamento avaliou 5 bilhões de instalações de aplicativos, 400 milhões de aberturas de aplicativos e US$ 200 milhões em receita.

Abaixo compilamos alguma dicas para quem quer adquirir usuários para seu aplicativopor meio dos três principais canais atuais: Facebook, Twitter e Google.

Assista Agora: Gestor, descubra os 5 problemas que suas concorrentes certamente terão em 2019. Comece 2019 em uma nova realidade.

Aquisição de usuários via Facebook

A mídia que mais gera downloads para aplicativos por meio de seus anúncios possui uma ferramenta específica para isso. Dentro da plataforma de Gerenciamento de anúncio, basta escolher o objetivo Instalação do Aplicativo para ajudar a estimular os downloads do seu app, levando as pessoas à App Store ou Google Play, comentou Victor Stossel, Product Marketing Lead, Ads Growth Latam do Facebook durante painel no MAMA.

Uma importante vantagem das instalações do aplicativo móvel é que você pode veicular seus anúncios para pessoas mais propensas a realizar uma ação como, por exemplo, fazer uma compra depois de instalar seu aplicativo. Portanto, você pode rastrear o que importa mais para seus objetivos de negócios. Definir com inteligência o tipo de compra também é fundamental, já que há duas opções na ferramenta: alcance e frequência, e leilão. Se seu objetivo é gerar novas aquisições utilizando o objetivo de anúncio de instalações do aplicativo móvel, a rede social recomenda escolher leilão, pois oferece controle, permitindo escolher o público-alvo, assim como a duração e o orçamento do anúncio.

Outra dica da rede social é selecionar todos os posicionamentos de anúncio disponíveis. Isso permitirá que o sistema de veiculação de anúncios do Facebook aloque seu orçamento destinado ao conjunto de anúncios com base no desempenho em cada um dos posicionamentos. Se um posicionamento começa a ter um melhor desempenho, o sistema de veiculação automaticamente alocará mais orçamento para esse posicionamento para ajudar você a alcançar mais pessoas.

Não se esqueça que para usar a ferramenta com eficácia você deve acompanhar os eventos do aplicativo implementando o SDK do Facebook para ter acesso às instalações no app móvel. Também é interessante voltar a envolver as pessoas que já utilizam o aplicativo para gerar receita e aumentar o envolvimento com seus aplicativos, além de alcançar pessoas semelhantes às que já instalaram o aplicativo, fizeram compras no aplicativo ou demonstraram interesse ou fidelidade.

Aquisição de usuários via Twitter

A ferramenta de adds do Twitter pode ser direcionada para atender aos diferentes objetivos de negócios de cada anunciante, incluindo a aquisição de usuários. Os recursos disponíveis permitem acompanhar os resultados da campanha desde o momento do lançamento, trazendo informações de engajamento, métricas e detalhes sobre a aquisição e resultados, que informam não apenas sobre o usuário que instalou o aplicativo, mas também aquele que fez a compra de um produto ou serviço por meio do app.

O microblog conta com diversos recursos de segmentação que permitem que os aplicativos alcancem públicos específicos de acordo com cada estratégia. Um dos grandes diferenciais da plataforma para os anunciantes é a possibilidade da criação de uma segmentação baseada em conversas públicas que estão acontecendo em tempo real na plataforma. É possível, por exemplo, alcançar um público que esteja falando de algum tema, que cite alguma palavra chave, engaje em conversas de algum evento ou programa de TV. Em um nível mais alto de segmentação, dá para combinar diferentes critérios, permitindo que o aplicativo alcance pessoas que já tenham baixado determinado app, mas que não o utilizam há alguns dias, por exemplo.

“Nossa plataforma é pública, aberta, conversacional e em tempo real. Tudo isso faz do Twitter o ambiente ideal para que as marcas e anunciantes possam criar uma conexão com seu público no momento certo e com o conteúdo certo, entrando nas conversas que acontecem todos os dias. Como o consumidor tem apetite por conteúdos atualizados em assuntos de seu interesse, a mensagem do anunciantes atinge uma audiência receptiva e engajada. As agências e anunciantes que sabem aproveitar essa vantagem tendem a alcançar o público com relevância, inclusive quando falamos de aquisição de usuários”, disse Fabio Zucchetto, responsável pela área de performance do Twitter Brasil, ao Canaltech.

Os anúncios no Twitter são disponibilizados na forma de um Tweet, que contém texto (até 280 caracteres), imagem ou vídeo e um link. Em campanhas para a aquisição de usuários, estes Tweets contam com um card, que possui uma imagem ou vídeo ‘clicável’ que leva para uma loja de aplicativos ou até mesmo para uma seção específica dentro do app - função muito utilizada para promoções, ações relacionadas a eventos ou datas específicas, etc.

As campanhas do Twitter Ads podem ser personalizadas para qualquer orçamento. Não há um gasto mínimo obrigatório para o Twitter Ads, e é possível ter sempre o controle total sobre quanto as campanhas deverão gastar (custo por clique no aplicativo ou custo por instalação).

Aquisição de usuários via Google

O Google é o senhor das ferramentas e basicamente tudo em seu ecossistema foi feito para te ajudar a crescer seus negócios. O aplicativo Playbook, por exemplo, é destinado aos desenvolvedores e traz dicas de como crescer o app. E o melhor: é gratuito.

Outro ponto que o Google sempre quer que os desenvolvedores tenham em mente é que as lojas de aplicativos, como a própria Google Play, não são a única maneira de descobrir novos apps. Boa parte das pessoas acessam as lojas de aplicativos com o objetivo de baixar apps – e uma boa porção delas faz isso mesmo. Na verdade, 40% dos usuários de smartphones pesquisam por apps nas lojas de aplicativos e por isso, as lojas seguem sendo uma fonte importante para descobrir novos apps, das últimas tendências em jogos até os medidores de treinos físicos, streaming de música e muito mais. Mas elas não são os únicos canais.

A descoberta de apps por meio das buscas é especialmente dominante nas categorias de apps locais, tecnologia (avaliações de novos aparelhos, por exemplo) e viagem (confirmação de detalhes). De acordo com o Google, nessas três categorias as pessoas são mais propensas a baixar os apps a partir de sistemas de buscas – 26% em apps locais, 59% em tecnologia e 30% em viagem.

Sendo assim, campanhas como as "universais de apps" facilitam a promoção de aplicativos dentro de outros produtos do Google, como o site de pesquisa, Youtube e a Rede de Display. Com essa campanha, o anunciante cria o texto, define o lance e tudo é otimizado para que os usuários encontrem seu aplicativo mesmo fora da Google Play. Nesse link há um passo a passo de como criar a sua campanha universal para aplicativo.

Outra dica da gigante de buscas é fazer testes A/B dentro da loja do Google criando dois anúncios diferentes para seu app e avaliando qual desempenha melhor. Com essa ferramenta, você consegue definir o melhor ícone, imagem, vídeo e descrição do aplicativo e aumenta suas chances de ter seu aplicativo baixado.

São inúmeras possibilidades para fazer seu app aparecer mais e adquirir novos usuários. O importante é explorar cada uma das ferramentas disponíveis e aproveitar cada detalhe. Boa sorte!

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.