Symantec adquire Luminate Security com objetivo de aumentar defesa cibernética

Por Jessica Pinheiro | 19 de Fevereiro de 2019 às 23h10
Tudo sobre

Symantec

Saiba tudo sobre Symantec

Ver mais

A Luminate Security foi adquirida pela companhia de segurança cibernética Symantec. O objetivo é utilizar as principais tecnologias da Luminate Security, tais como o Secure Access Cloud, para aumentar a força da plataforma em termos de defesa cibernética integrada a seus usuários, em especial para serviços na nuvem.

Isso porque a Luminate Security é conhecida por ser a pioneira da tecnologia de Software Defined Perimeter (ou perímetro definido por software), porém, os ciberataques costumam se tornar cada vez mais sofisticados, sempre desafiando os desenvolvedores a ultrapassarem as abordagens baseadas em perímetro dependente de arquiteturas, e costumam focar na nuvem.

Todavia, com o Secure Access Cloud da Luminate Security, baseado em nuvem e sem perímetro, as empresas poderão fazer o escalonamento do controle de acesso de maneira privada e “sem DNS”, permitindo que os usuários se conectem e usem aplicações ou recursos específicos e autorizados.

“O acesso seguro e privado é o pilar da defesa cibernética. Estamos entusiasmados por nos unirmos à equipe da Luminate e ansiosos para oferecer rapidamente esse recurso exclusivo a nossos consumidores, continuando a oferecer um grande valor para sua jornada na nuvem”, afirma Greg Clark, presidente e CEO da Symantec em comunicado.

A promessa é que empresas e os usuários possam acessar seus aplicativos sem erros, seja na nuvem ou localmente, mas com acesso protegido. Usando a tecnologia da Luminate Security, contudo, a Symantec pretende unificar a segurança na nuvem e no local "em endpoints, redes, e-mail e nuvem", protegendo os dispositivos de variadas ameaças, sem muito custo ou complexidade.

E ainda que os aplicativos continuem migrando para a nuvem e as empresas de TI precisem sempre de novas formas de superar desafios relacionados à segurança, "o serviço baseado em nuvem e sem agentes da Luminate Security promete solucionar esses problemas, além de adicionar um poderoso recurso de perímetro definido por software à plataforma de defesa cibernética integrada da Symantec", segundo explicou Art Gilliland, vice-presidente executivo e gerente-geral do Enterprise Products da Symantec.

A Symantec também declarou em comunicado oficial que a aquisição da Luminate Security faz parte da estratégia de “adquirir e construir a melhor solução de segurança de portfólio, com foco em inovação criada na nuvem, para a nuvem”. No catálogo de aquisições da Symantec estão ainda as tecnologias CASB (Cloud Access Security Broker) e isolamento da web, também voltadas para a nuvem.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.