Nova ferramenta para desenvolvedores no Chrome simula daltonismo

Por Claudio Yuge | 12 de Março de 2020 às 08h40
Eastern Biotech
Tudo sobre

Google

Saiba tudo sobre Google

Ver mais

Cerca de 300 milhões de pessoas em todo o mundo, ou 8% de todos os homens e 0,5% de todas as mulheres, são afetadas pelo daltonismo, de acordo com a organização Color Blind Awareness. E muitos sites não projetam suas páginas com acessibilidade adequada para quem possui essa e outras deficiências visuais. Pensando nisso, o Google decidiu lançar uma nova ferramenta para o Chrome que permite aos desenvolvedores simularem essas limitações — e, claro, pensar em formas de contorná-las.

A novidade estará disponível em breve no console de ferramentas para desenvolvedores (aquele que você abre com a tecla F12). O menu permitirá que os programadores vejam, por exemplo, como a página ficaria no caso da visão com tritanopia, uma condição em que não é possível distinguir as cores azul e amarelo. Com isso, será possível alterar o esquema de cores para encontrar a melhor forma de apresentar o conteúdo para quem sofre com esses casos.

Vale destacar que o Google segue a mesma iniciativa já lançada pela Mozilla para o Firefox. As novas ferramentas de desenvolvedor do Google seguem o lançamento das ferramentas de desenvolvimento de deficiências visuais do Firefox. A chegada desses recursos em ambos os navegadores é importante porque os dois exibem os sites de maneira diferente.

Contudo, embora os esforços sejam louváveis, a maneira como essas ferramentas imitam as condições visuais não é totalmente precisa, como apontam a Mozilla e o especialista em acessibilidade Ian Hamilton. Ainda assim, é o começo de um novo pensamento sobre acessibilidade.

O recurso estará disponível Chrome 82, atualmente no início de sua versão beta.

Fonte: The Verge  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.